quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

ESCRACHA!!



Senhores,


Queremos aqui agradecer ao Deputado Estadual Wagner Montes, que desde o início nos  deu voz, nos acolheu e nos valorizou na caminhada pela dignidade, de forma corajosa e justa nesta luta pela DIGNIDADE do bombeiro militar e da segurança pública. 





Logo Observatório da Imprensa 


CRISE NA SEGURANÇA PÚBLICA

A imprensa toma partido

Por Marcio Bastos em 14/02/2012 na edição 681
Greves policiais, descaso do governo, imprensa comprada e chefe bem pago – eis os quatro principais ingredientes para transformar em caos público qualquer estado do Brasil.
Todos sabem o quanto é importante manter um policial bem preparado para realizar segurança pública com qualidade. Exige-se treinamento e perfeição, mas todos esquecem que seu baixo salário lhe traz o câncer da desmotivação; em alguns casos, tira-lhe a dignidade maior de um ser humano: prover sua família de condições de vida razoável. No Brasil, policiais e bombeiros trabalham exaustivamente, mostram resultados e passam pelo atual crivo das corregedorias – que expulsam os maus profissionais e nunca – nunca – os bons profissionais são valorizados.
Os policiais, então, iniciam uma negociação por melhores condições de trabalho. Primeiro em nível nacional, com a chamada PEC 300 (Proposta de Emenda Constitucional), que prevê isonomia salarial para policiais militares, bombeiros militares e policiais civis de todo o país. Após intensas promessas, discussões e votações em volta da PEC 300, que começou há quatro anos com tramitação especial, os governos Lula e Dilma, com a ajuda da maioria dos políticos do Congresso Nacional, engavetaram o projeto e enrolaram os profissionais de segurança.
Em conjunto aos fatos resumidamente narrados, começam os movimentos reivindicatórios estaduais. Os governos começam uma política de valorização das altas patentes. Oficiais do alto escalão e delegados de polícia têm seus salários aumentados para utilizar de seu poder de persuasão e segurar a tropa. Um dos maiores exemplo é o Rio de Janeiro, onde um delegado chega ao topo salarial do estado, em torno de R$18.000, e os policiais civis recebem o mais baixo salário pago a um profissional de terceiro grau do estado, em torno de R$2.300. Os “chefes” não seguram a tropa e a indignação aumenta, pois os policiais e bombeiros que trabalham pelos “chefes” se sentem desprestigiados. Em 2009, começam os principais movimentos policiais por melhorias.
Uma única voz no silêncio jornalístico
O menosprezo aos profissionais de segurança pública continua ao longo dos anos de 2010 e 2011. Alguns poucos estados dão o exemplo: Piauí, Ceará, Paraíba e Sergipe, onde o policial civil inicia com um salário justo de R$4.900, conseguem resolver internamente seus problemas com a segurança. Porém, a grande maioria dos estados brasileiros enrola, finge que negocia, utiliza-se do poder público para eliminar qualquer foco de revolta e conta com o apoio da imprensa para não publicar qualquer esboço de reivindicação salarial.
O maior exemplo foi a revolta dos bombeiros do Rio de Janeiro, no ano passado, a qual fez uma “maré vermelha” tomar conta do Brasil e do mundo. Mas não sensibilizou o governo do estado, que preferiu minar o movimento em vez de negociar, contando mais uma vez com a imprensa local. A indignação dos policiais e bombeiros aumenta ainda mais.
Atualmente, o poder dos governos sobre a imprensa chegou ao ápice: o repórter Valdeck Filho, do programa Na Mira, da TV Aratu, filiada ao SBT, recebeu um anúncio de demissão das mãos de um diretor da emissora na Bahia por ter feito a cobertura da greve dos policiais militares. Já no Rio de Janeiro, uma grande marcha conjunta da segurança pública teve matérias publicadas nos principais jornais internacionais, como o New York Times e o Financial Times, e a imprensa local não publicou quase nada. Nesse ponto, uma ressalva se faz por justiça. No Brasil, apenas a TV Record (Rio), pro meio do apresentador Wagner Montes, teve a audácia de realizar matéria sobre a marcha histórica e traçar comentários diários sobre o movimento em seu programa televisivo. Uma única voz no silêncio jornalístico. A indignação dos profissionais de segurança volta a aumentar.
[Marcio Bastos é policial civil do Rio de Janeiro e diretor jurídico adjunto do Sindpol RJ – Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Rio de Janeiro
]


24 comentários:

  1. Pergunto a vôces BOMBEIROS VÃO PARA, OU A LUTA VAI CONTINUAR? RESPONDA AQUI.

    ResponderExcluir
  2. O MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO,DA SAÚDE E DA CULTURA ADVERTE!!!!VOTAR ERRADO FAZ MAL A SAÚDE,REELEGER SEJA LÁ QUEM FOR É BURRICE,POIS ESTAMOS DANDO O DIREITO DO POLÍTICO SE APOSENTAR COM OITO ANOS SEM TER FEITO NENHUM ESFORÇO E ELEGER QUEM UM DIA JÁ FOI,TEVE A OPORTUNIDADE DE FAZER ALGO PARA O POVO E NÃO FEZ É ASSINAR ATESTADO DE BURRICE,POR FIM VENDER NOSSOS VOTOS POR PROMESSAS E MIGALHAS É QUERER VER OS HOSPITAIS,A EDUCAÇÃO E A SEGURANÇA PÚBLICA DO JEITO QUE SEMPRE ESTÁ,UMA MERDA!!!!!!JUNTOS SOMOS A BASE DE NOSSO INTERESSE MAIOR A DIGNIDADE DE TODA UMA NAÇÃO!!!

    ResponderExcluir
  3. Foi no programa do Wagner Montes que o srº Cel Simões garantiu que não haveriam mais punições geográficas. Bombeiros que lutaram por digndade continuam sendo transferidos de forma covarde e arbitrária. E a sua palavra coronel; vale ou não vale?

    ResponderExcluir
  4. LUCAS 8,16 «Ninguém acende uma lâmpada para cobri-la com uma vasilha ou colocá-la debaixo da cama. Ele a coloca no candeeiro, a fim de que todos os que entram, vejam a luz. 17 De fato, tudo o que está escondido, deverá tornar-se manifesto; e tudo o que está em segredo, deverá tornar-se conhecido e claramente manifesto. 18 Portanto, prestem atenção como vocês ouvem: para quem tem alguma coisa, será dado ainda mais; para aquele que não tem, será tirado até mesmo o que ele pensa ter.»

    ResponderExcluir
  5. ....UM DIA ESTAVA PENSANDO, SE ACONTECER DE OS 17 BOMBEIROS OU MAIS..SEREM EXPULSOS, E SE TEMOS 50.000 BOMBEIROS PARA PODER AJUDAR, PODERÍAMOS PAGAR 2.000 REAIS TRANQUILAMENTE, PARA TODOS ELES E CADA UM SÓ IRIA DESEMBOLSAR NO MÁXIMO 2 REAIS, ATÉ OS CARAS CONSEGUIREM VOLTAR A ATIVA POR MEIO DA JUSTIÇA, ESPERO Q NÃO PRECISE, MAIS SERIA O MÍNIMO Q PODERÍAMOS FAZER EM PROL DESSES BOMBEIROS Q ACABARAM SENDO OS MAIS SACRIFICADOS..É UMA IDEIA.DÊ SUA OPNIÃO.

    ResponderExcluir
  6. QUEREMOS WAGNER MONTES PARA GOVERNADOR DO RJ EM 2014 E BENEVENUTO DACIOLO VICE GOVERNADOR E NÃO TEM PRA NINGUÉM.

    ResponderExcluir
  7. VEJAM NO YOU TUBE, MANIFESTATE É ACUSADO DE CRIME PELA BARCAS S/A.

    ResponderExcluir
  8. VEJAM NO YUO TUBE, MANIFESTAÇAO CONTRA BARCAS S/A NITEROI 10/02/2012.

    ResponderExcluir
  9. reconhecimento válido
    por isso que merece nosso abraço.

    ResponderExcluir
  10. leiam esse blog do \Reinaldo Azevedo novo manisfesto do club dos militares em resposta A presidente Dilma.Militares da reserva redigem novo documento com ... - Veja - Abril.com





    veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/militares-da-reserva-redigem-no...

    ResponderExcluir
  11. Dessa vez tenho que dar o braço à torcer , o Dep. realmente se fez presente nos acolhendo e valorizando nessa caminhada , muito obrigado !!!

    Aproveitando a oportunidade ,venho comunicar aos companheiros que os desmandos nesse Estado continuam e dessa vez com o consentimento da procuradoria geral do estado ( PGE ).

    PROCURADORIA É A CORTE ?
    > Foi publicado ontem , no Diário Oficial do estado, um decreto do governador Sérgio Cabral suspendendo a aplicação da lei 4948, de 2006 .

    > Ela permitia que o servidor escolhesse o banco e a agência pelos quais quer receber o seu sálario .

    > Para virar lei , o projeto, proposto pelo deputado Paulo Ramos ( PDT ) , foi aprovado em plenário, chegou a ser vetado pela então governadora Rsinha Garotinho , mas acabou promulgado pela Assembléia Legislativa .

    > Já o decreto que a suspende , mais de cinco anos depois , foi baseado apenas no parecer da Procuradoria Geral do Estado ( PGE ) - que diz ser o texto inconstitucional .

    > Sem o amparo de qualquer decisão judicial .
    > Se a moda pega ...

    Obs : O texto acima foi publicado no jornal extra , na coluna da jornalista BERENICE SEABRA .( 29/02/2012 )

    AINDA EXISTE MINISTÉRIO PUBLICO ESTADUAL (MPE)?

    ESPERO QUE A ALERJ NÃO ESTEJA COMPACTUANDO COM ESSAS ABERRAÇÕES !!!!!!

    Vamos todos permanecermos no ITAÚ , não é por ser melhor ou pior , mas sim para usarmos nossa cidadania , o estado sabia que quando acabasse o contrato anterior ,não poderia vender a folha salarial dos SERVIDORES .
    POR ISSO PEÇO AOS SENHORES ,NÃO FECHEM COM O BRADESCO.

    As observações finais é de autoria deste signátario .

    SubTen BM MORAIS

    ResponderExcluir
  12. SE REALMENTE NÃO PUDERMOS OPTAR PELO ITAU, MUITO SIMPLES VOU AO GERENTE DO ITAU E PERGUNTO SE FIZER UMA TRANFERENCIA DO BRADESCO PARA O ITAU POR MINHA CONTA, SE O ITAU VAI ME DEVOLVER O DINHEIRO DA TRANFERENCIA SE FIZER NÃO ABRO MÃO DO ITAU, ACHO ISSO UMA SACANAGEM!!

    ResponderExcluir
  13. SENHORES ESTAR DIFICIL ESCOLHER ALGUÉM PARA GOVERNAR O RJ MUITOS DELES NÃO CUMPRE AS PROMESSAS DE CAMPANHA E PASSAM COMO MENTIROSOS. AÍ O POVO COMESSA A SOFRER, PRINCIPALMENTE OS DA SEGURANÇA PÚBLICA. SERIA BOM QUE TODOS DA SEGURANÇA PÚBLICA GRAVASSE E FILMACEM TODOS OS PLANOS DE CAMPANHA DOS POLÍTICOS E DEPOIS COBRAR DURO DELES. TEMOS QUE TOMAR CUIDADO EM QUEM VAMOS VOTAR PORQUE DEPOIS CHORAR O LEITE DERRAMADO VAI SER TARDE DEMAIS. PORQUE O POLÍTICO FORA DO GOVERNO É UMA COISA E NO GOVERNO É OUTRA. NA BÍBLIA ESTÁ ESCRITO MALDITO O HOMEM QUE CONFIA NO HOMEM.

    ResponderExcluir
  14. Aqui no Brasil a lei só serve para quem trabalha honestanemte, por isso eu não faço nada no meu horário de trabalho é isso que eles querem homens homisos. E vôces imprensa brasileira deixem de ser covardes estou falando da GLOBO.

    ResponderExcluir
  15. QUE GOVERNADOR É ESSE?1 de março de 2012 13:08

    ISSO É UMA IMPOSIÇÃO!!!!!!!
    CADÊ A DEMOCRACIA????????CADÊ O DIREITO DE ESCOLHA DO CIDADÃO????????????????

    OLHA A DITADURA AÍ GENTE!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  16. como pode chegar a esse ponto
    colocar um trabalhador em bangu 1 depois sem uma causa aparente se cogita a ideia de expulsar o militar,em nome não se sabe de quem ou de que oque esta incomodando não é mas o daciolo, mas sim o que ele agora representa.
    o DACIOLO não representa mas só um militar,pra muita gente ele agora representa a dignidade, fidelidade,é isso é o que a outra banda não aceita,porque essas palavras eles não conhecem....

    ResponderExcluir
  17. Vamos por etapas.

    Sergio Cabral filho, governador do Estado do Rio de Janeiro influenciado e supostamente garantido pelo governo federal meteu os pés pelas mãos e afundou-se politicamente e o PMDB como partido sério que é deverrá considerar sua expulsão de seus quadros.
    Este partido tem cunho histórico e não merece ter em seus quadros esse desiquilibrado.

    ResponderExcluir
  18. `verdade ja esta na hora do wagner montes ser o governador.chega de aturar esse governador,mudo,cego e surdo. pro seus funcionarios poublicos.

    ResponderExcluir
  19. QUE GOVERNADOR É ESSE?1 de março de 2012 23:59

    HISTORICAMENTE O GOVERNADOR SÉRGIO CABRAL ESTÁ DESTRUINDO A IMAGEM DO PMDB...

    ResponderExcluir
  20. Anônimo de 01/03/12 13:41, você já ouviu falar no antigo partido ARENA? Já ouviu falar em Ditadura Militar? Já ouviu falar em Tancredo Neves?

    Pelo amor de Deus, não entre aqui para falar besteira! Cunho histórico, faça-me o favor!

    ResponderExcluir
  21. Reunião dos concursados do Inca 2010.

    SE VOCÊ FOI APROVADO NO CONCURSO DO INCA 2010, MAS NÃO FOI CONVOCADO!! TEMOS MUITO QUE CONVERSAR, POIS ESTÁ COMEÇANDO UM GRANDE MANIFESTO.
    A NOSSA PRÓXIMA REUNIÃO SERÁ NO PRÉDIO DO AFINCA NESTA PRÓXIMA QUINTA-FEIRA (08 MAR 2012), AS 16:30HS.
    END.: RUA WASHINGTON LUIZ, NR 09, 10 ANDAR (CENTRO).

    PAUTA: COMISSÃO DE LEVANTAMENTO DOCUMENTAL PARA SUBSTITUIÇÃO DOS TERCEIRIZADOS DO INCA!!! COM CONSULTA DE ADVOGADO.

    VOCÊ NÃO PODE FALTAR.

    ResponderExcluir
  22. A palavra de Deus fala de uma passagem em que Jesus é levado ao deserto para ser tentado, Lc.4. 1-13 resumindo o texto, satanás oferece a Jesus poder e riqueza, e eu fico pasmo quando vejo homens se lambuzando no pecado e esquecendo que um dia dará conta de tudo isso. Como dizia o Cazuza a burguesia fede e eu acrescento o governo e a politica também.

    ResponderExcluir
  23. SENHORES: TRAFICANTES SOLTOS COM FUZIS A TIRA COLOS VENDENDO DROGAS LIVRIMENTE NO RJ E NINGUÉM FAZ NADADA. E O CABO DACIOLO LUTANDO A FAVOR DE UM SALÁRIO DIGNO PARA AS CATEGORIAS É AMEASSADO PELO GOVERNADOR DE SER EXPULSO DO CORPO DE BOMBEIROS DO RJ. O GOVERNADOR TEM MAIS É QUE SUBIR MORROS EM FAVELA NÃO PACIFICADA DO RJ E PRENDER TRAFICANTES QUE TIRAM ONDAS COM POLICIAIS, AO INVÉS DE PRENDER E EXPULSAR TRABALHADORES.

    ResponderExcluir
  24. O Gov. Sergio Cabral, com todo o seu poder, usa os buchas Cmts da PMERJ e CBMERJ para espulsar dos quadros da corporação pais de família, mas antes mostrando todo o seu poder coloca os mesmo em Bangu 1. Cuidado Cmts. se voces olharem para ele com cara feia em uma reunião, o proxímo pode ser voces. E quem é o culpado desse ditador esta governando, nós mesmo, eu não votei nessa coisa, mas voces que votaram ainda há tempo de se redimirem, não votando nele e em nenhum candidato indicado por ele. Nos vemos no proximo pleito.

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.