sexta-feira, 1 de junho de 2012

JUSTIÇA JÁ!! 9000 REAIS E SEUS DIREITOS GARANTIDOS!

Ações vitoriosas contra desconto para fundo de saúde animam a tropa

                               
O dinheiro descontado em contracheque referente ao fundo de saúde dos últimos cinco anos. Ações que pedem a devolução dos valores aos servidores têm sido julgadas procedentes pelos Juizados Fazendários, que seguem orientação do Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado do Rio (TJ-RJ). Os descontos de 10% sobre os soldos começaram no ano 2000, quando foi criada a Lei nº 3.465. Os valores ressarcidos podem chegar a R$ 9 mil, dependendo da patente do militar. 
Segundo o órgão pleno do TJ-RJ, a Lei 3.465 é inconstitucional no que se refere a essa cobrança. O argumento se baseia na Constituição Federal (Artigo 149, Parágrafo primeiro), que viabiliza aos estados e municípios instituírem contribuições apenas para o custeio de regime previdenciário. Já os descontos para a saúde não são autorizados, uma vez que o acesso aos programas de saúde pública deve ser gratuito. 
“Um segundo tenente, que tem um soldo em torno de R$900, paga R$ 90 por mês de fundo de saúde em contracheque (10% sobre o soldo). A ação tem por objetivo suspender essas cobranças e reintegrar os valores descontados indevidamente nos últimos cinco anos”, explica Carlos Henrique Jund, do escritório Jund Advogados Associados. 
Para pedir o ressarcimento, é preciso apresentar carteira de identidade, CPF, comprovante de residência e o último contracheque. A ação dura, em média, de um ano a dois anos e meio nos Juizados Especiais fazendários.“Atualmente, o bombeiro ou o policial militar só consegue obter resultados por meio da Justiça. A ação pode ter curso em um dos Juizados Especiais Fazendários do Rio de Janeiro”, orienta o advogado Carlos Henrique Jund. (Fonte: ODIA)
Diante do caos no HCAP e do descaso com os militares e seus familiares, segue uma boa opção  para todos aqueles que tem sido explorados, ao longo desses anos. Vamos iniciar uma marcha contra essa ILEGALIDADE, o mais rápido possível! Não temos que pagar nada!! É um direito, que nós temos e que os "chefes" não cumprem! Vamos  responsabilizar e exigir o ressarcimento integral do dinheiro ilicitamente descontado, ao longo desses anos.
Na próxima semana, publicaremos um caso estarrecedor, que revela a COVARDIA e o DESCASO com o bombeiro e seus familiares, que necessitam de atendimento médico! AGUARDEM!  
AGORA É NA JUSTIÇA!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.