sábado, 14 de dezembro de 2013

ESTA ARMADA A RASTEIRA PARA A SAÚDE DO ESTADO

Governo do estado vai lançar plano de saúde para 460 mil servidores

Sergio Rui Barbosa, secretário de planejamento do Estado
O governo do estado está acertando os últimos detalhes para abrir o credenciamento de empresas interessadas em oferecer planos de assistências médica e odontológica ao funcionalismo. O secretário de planejamento, Sérgio Ruy Barbosa, disse que, entre o fim deste mês (dez/2013) e o início do próximo (jan/2014), será lançado um edital para convocar as operadoras interessadas. As que cumprirem os requisitos poderão oferecer o serviço aos 460 mil servidores ativos, inativos e pensionistas, que poderão incluir dependentes.

SOS BOMBEIROS:A intenção do Governo é piorar ao máximo o atendimento a saúde, deixar o serviço público na pindaíba,,oferecer péssimos serviços para depois privatizar,,é a estória de colocar um bode dentro da sala durante um tempo e depois tirar,  dizendo: VIU COMO O CHEIRO MELHOROU? VIRAM COM A SALA FICOU MAIS LIMPA? Acordem BMs e PMs, o Governo quer vender seus Hospitais para a iniciativa privada. Ele não quer ter despesa com seus funcionários Públicos. Cobrem um atendimento de boa qualidade, apertar seu salário pagando plano de saúde privado é fugir da luta, não joguem a toalha. 


JUNTOS SOMOS FORTES!


S.O.S REGIÃO SERRANA

23 comentários:

  1. SOSCAPITAL,DAMOS A SUGESTÃO,VAMOS VOLTAR PARA AS RUAS,NÃO PODEMOS ESPERAR A BOA VONTADE DE NINGUÉM,PONTO INICIAL,ESCADARIA DA ALERJ,POIS SE SIMÕES SE METER,DIVULGAREMOS AS MAZELAS DO CMT,UMA DELAS É A SUA COBERTURA NA BARRA DA TIJUCA,TEMOS VÁRIAS CARTAS NA MANGA.A IMPRENSA VAI ADORAR.QUEM ESPERA TEMPO BOM É SERTANEJO,VAMOS PARAR DE FICARMOS SEMPRE RECLAMANDO E NO ANONIMATO.PRA CIMA DELES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. BOMBEIRO 439 TAMBÉM.14 de dezembro de 2013 19:24

      VAMOS PARAR DE FICARMOS SEMPRE RECLAMANDO E NO ANONIMATO.PRA CIMA DELES. E vc irmão, é fácil de identificar, só coloca pilha, e na hora corre !!! E sempre escreve em caixa alta ! Se ligou como eu sei quem é vc ?

      Excluir
  2. SOS SERRANA,SOS CAPITAL,SOS GMAR,SOS ANGRA,SOS GSE,SOS COMBATENTES,SOS ITAPERUNA,SOS INTERIOR.ESTAMOS TODOS ACEITANDO TUDO PRATICAMENTE CALADOS,INÍCIO DO ANO DE 2014,VAMOS NOS UNIR,NÃO ESPERAR MAIS NADA E MUITO MENOS NINGUÉM,ALERJ!!!!ALERJ!!!ALERJ!! VAMOS PARA O GRITO DE GUERRA!!!!!!!!!!!!O O BOMBEIRO VOLTOU!!!!!!!!!!!!!O BOMBEIRO VOLTOU!!!!!!!!!!!O BOMBEIRO VOLTOU!!!!!!!!!OOOOOOOOO,VAMOS BRADAR GERAL SE QUISERMOS REALMENTE NOSSAS DIGNIDADES E DE NOSSOS FAMILIARES.VAMOS PARA AS RUAS PARA QUE POSSAMOS DERRUBAR O CMT SIMÕES QUE NUNCA FOI CMT DA TROPA E SIM DOS SEUS INTERESSES,POIS NÃO QUER PERDER A MAMATA DE PODER ESTAR COMPRANDO COBERTURAS NA BARRA DA TIJUCA,A IMPRENSA TEM QUE SABER,DEDO NA CARA TEM QUE SABER,SBT,RECORD,BAND,GLOBO TODA A MÍDIA TEM QUE SABER O QUE OS CMT FAZ COM O DINHEIRO PÚBLICO,USA PARA SEU BEL PRAZER.

    ResponderExcluir
  3. Ué, reclamam tanto do HCAP e do HCPM...... Quero ver agora com Geap, Assim, Dix!
    Quero ver na hora que tiver que pagar instrumentadora e anestesista quando for operar....
    Vai reclamar do reembolso pra quem????

    ResponderExcluir
  4. Estamos discutindo a saúde do BM pelo menos a cerca de 2 anos. Falamos em parar o FS. Incentivamos a parar o desconto. Orientamos a procurar os hospitais públicos onde a população é atendida ???????.
    Agora as reportagens (ontem na globo) mostra o que nos espera. Vocês acham que o governo vai bancar o nosso hospital ? Vocês acham que o nosso hospital vai continuar do jeito que está, ou vai virar um destes que aparecem na telinha ? Eu não quero. Seria uma estupidez. Parem de pensar desta forma. Se é inconstitucional, vamos trabalhar para legalizar o FS e não interromper o desconto. Não tenho dinheiro para fazer estes planos propostos e mesmo com este valor vou ser atendido aonde ? Também não quero dividir a tragédia com a população. Seria outra estupidez.

    ResponderExcluir
  5. Tem bombeiro que irá aceitar e se inscrever nisso to foraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
    empresarios ladroesssssssss

    ResponderExcluir
  6. Adilson Bandeira - Cap BM RJ14 de dezembro de 2013 12:05

    Lutar por seus direitos dá trabalho,mas o importante é dormir com a consciência tranquila sabendo que sua atitude contribui para a mudança de comportamento de uma classe. Junte-se a nós, faça a sua parte apenas cobrando seus direitos. Não precisa de indispor com ninguém, o caminho das pedras estão aí, copie o nº do processo e entre com uma ação para ter seus direitos no ESTATUTO garantidos por Lei. O site do Tribunal do RJ está disponível para consultas, a lei da transparência existe, o Tribunal Superior Federal já julgou inconstitucional o desconto da TAXA PARA O FUNDO DE SAÚDE DE NOSSAS Corporações.
    Exigir uma assistência médica de boa qualidade é equivalente a receber um aumento de vencimentos indiretos, o seu salário líquido fica maior quando você elimina descontos e despesas gastos com benefícios aos quais você já tem direitos garantidos por Lei.


    http://www.sosbombeirosrj.com/2013/11/justica-reconhece-ser-ilegal-o-desconto.html#comment-form

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cabe a todas associações de classe, pressionar o Ministerio Publico,o fiscal da lei para que IMEDIATAMENTE o SEPLAG cancele o desconto do INDEVIDO do Fundo de Saude. Pois, já que foi declarado INCONSTITUCIONAL, não tem porquer continuar o desconto em folha!!
      Quando um MILITAR consegue suspender esse desconto por via judicial,ele e sua familia sofrem uma retaliação.
      Então tomem SOS uma ATITUDE de forma GERAL !!!!!! Obrigado.

      Excluir
    2. MÁRCIO,SE JÁ MOSTROU QUE É INCONSTITUCIONAL,TEM TODA RAZÃO O ANÔNIMO DAS 22:00 HORAS.NÃO TEM COMO CONTINUAR O DESCONTO EM FOLHA,E NOSSOS DIREITOS SÃO CONSTITUCIONAIS E NO REGULAMENTO:MORADIA,SAÚDE,EDUCAÇÃO,SEGURANÇA PÚBLICA,POIS OS VÁRIOS IMPOSTOS QUE PAGAMOS SÃO JUSTAMENTE PARA A DIGNIDADE DA POPULAÇÃO.

      Excluir
  7. Esse plano de saúde particular que vocês estão falando aí vai ser obrigatório ??
    Já tenho o meu particular feito através do convênio da FABOM !!
    Claro que devemos cobrar sempre por serviços de saúde melhores mas acho por questão de prudência que se possível devemos ter também um serviço particular para se caso o público falhe nós não fiquemos na mão sem atendimento !!

    ResponderExcluir
  8. CAPÍTULO II
    DOS DIREITOS SOCIAIS

    Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 64, de 2010)

    Art. 7º São direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, além de outros que visem à melhoria de sua condição social:

    I - relação de emprego protegida contra despedida arbitrária ou sem justa causa, nos termos de lei complementar, que preverá indenização compensatória, dentre outros direitos;

    II - seguro-desemprego, em caso de desemprego involuntário;

    III - fundo de garantia do tempo de serviço;

    IV - salário mínimo , fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, sendo vedada sua vinculação para qualquer fim;

    V - piso salarial proporcional à extensão e à complexidade do trabalho;

    Direito a saúde, mas o estado do Rio vai vender planos de saúde?!
    ÃO ÃO ÃO QUE SE RASGUE A CONSTITUIÇÂO. VOU VOTAR NO PEZÃO
    IL IL IL UNIMED, ASSIM E AMIL SÉRGIO CABRAL VÁ PRA .....

    ResponderExcluir
  9. Nada de Merchandising,pois a Tropa está vacinada e a mesma é quem vai indicar os Deputados,e aos Parlamentares,fique bem claro que nem Daciolo,nem Abmerj,nem Gabinete,nem Márcio Garcia,estão acima da Tropa.Que não vendam suas propagandas,pois todos os bombeiros já estão ciente,que alguém vive de MERCHANDISING,Daciolo náo é mais a tropa,É ISSO,ACABOU.Quem eles apoiarem não quer dizer que vão aos nossos encontros e opiniões.

    ResponderExcluir
  10. Cá estamos de novo discutindo a mesma coisa. É Bandeira, você tem razão: vamos para o desconto (é inconstitucional), vamos para as ruas lutar por uma saúde de qualidade ( a população sabe fazer isto muito bem, lá se vão décadas lutando para chegar a esta saúde prestada), vamos exigir do governo (afinal já estamos exigindo a décadas e conseguimos grandes ganhos). Pelo amor de Deus e pela razão, não vamos perder o que temos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adilson Bandeira - Cap BM RJ15 de dezembro de 2013 09:04

      Até que enfim alguém entendeu o recado, obrigado ao Anônimo 14 de dezembro de 2013 16:59 e 20:41, no Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 64, de 2010), O Hospital dos Bombeiros, da PM e dos Servidores Públicos Civis foram construídos para desafogar os Hospitais Públicos Estaduais e Municipais, mas a Administração do Estado do Rio de Janeiro, o 2º Maior Estado em arrecadação de impostos, insiste em oferecer uma saúde precária para seus Servidores, e fez parcerias com Empresas privadas para empurrar esta despesa para o funcionário público pagar por um atendimento que já tem direito, apertando mais ainda seus parcos salários. Realmente as manifestações populares com passeatas nas ruas, não serviram de nada, os Políticos ainda legislam com interesses próprios, para arrecadar mais impostos e os usam da forma que lhes convém. Os Servidores Públicos e a População em geral que não possuem altos salários, devido a necessidade de um atendimento adequado, aceitam esta condição e ao migrarem para os Planos de Saúde privados, acabam sobrecarregando-os, recebendo um péssimo atendimento, visto que o Estado não paga um valor condizente aos Planos e as Empresas por sua vez, não fazem investimentos.

      Excluir
  11. o Estado já fornece saúde através do SUS. Ele está coberto legalmente. A qualidade depende ......

    ResponderExcluir
  12. Sou a favor de institucionalizar o fundo de saúde para termos um hospital melhor só pra nós e familiares, SEM ATENDER PELO SUS!

    ResponderExcluir
  13. Adilson Bandeira - Cap BM RJ15 de dezembro de 2013 15:29

    Em resposta a ironia do Anônimo 14 de dezembro de 2013 20:41, realmente não podemos perder o que temos, uma Constituição cidadã, um Estatuto e um Regulamento, todos precisam de ajustes, mais é melhor termos regras a seguir e cobrar os direitos que ali estão elencados, do que enfiar a cabeça num buraco e deixar o Governo fazer o que quiser conosco. Vejam esta postagem

    https://www.youtube.com/watch?v=SZWkhKtV7_o#t=33

    ResponderExcluir
  14. Adilson Bandeira - Cap BM RJ15 de dezembro de 2013 15:45

    O Estado está se apressando a legalizar um desconto no contracheque dos servidores, porque a Justiça reconhece ser ilegal o desconto do fundo de saúde.
    Vejam que decisão interessante da justiça sobre a assistência médico hospitalar em favor de um bombeiro militar e seus dependentes

    Processo No 0141449-84.2013.8.19.0001

    Um trecho da decisão:

    Neste sentido, confira-se: 0025003-35.2012.8.19.0000 - AGRAVO DE INSTRUMENTO DES. LUIZ FERNANDO DE CARVALHO - Julgamento: 03/10/2012 - TERCEIRA CAMARA CIVEL CONSTITUCIONAL, ADMINISTRATIVO E PROCESSUAL CIVIL. AÇÃO DE OBRIGAÇÃO DE FAZER. ANTECIPAÇÃO DA TUTELA PARA CESSAÇÃO DOS DESCONTOS PARA O FUNDO DE SAÚDE INSTITUÍDO PELA LEI ESTADUAL 3.465/2000 E MANUTENÇÃO DA ASSISTÊNCIA MÉDICA À AGRAVADA, BOMBEIRO MILITAR, E SEUS DEPENDENTES. INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI ESTADUAL QUE IMPEDEQUE SE RECONHEÇA ÀQUELA NORMA EFICÁCIA JURÍDICA A JUSTIFICAR A EXAÇÃO. DIREITO À ASSISTÊNCIA MÉDICA PREVISTO NO ART. 48, IV, ITEM, 5 DA LEI ESTADUAL 443/81. VEROSSIMILHANÇA DA NARRATIVA AUTORAL NESSE PARTICULAR, QUE AUTORIZA ANTECIPAR-SE A TUTELA. PRECEDENTES DO TJRJ. AGRAVO DESPROVIDO Por tais razões ao autor e seus dependentes é garantida a assistência a saúde que não seja mantida pelo Fundo de Saúde. Isto posto, JULGO PROCEDENTE O PEDIDO, condenado o Estado do Rio de Janeiro a cessar os descontos relativos ao Fundo de Saúde da folha de pagamento do autor, bem como a restituir todos os valores descontados indevidamente, observada a prescrição quinquenal, acrescidos de juros de 1% ao mês a partir da citação, mais correção monetária, a partir de cada desconto. Condeno o réu a manter a assistência médica hospitalar ao autor e seus dependentes, na forma do artigo 48, inciso IV, número 5, da Lei nº 443/81. Dê-se ciência ao Ministério Público. Sem custas e honorários, nos termos do artigo 55 da lei 9099/95. Após o trânsito em julgado, dê-se baixa e arquive-se.

    http://www.sosbombeirosrj.com/2013/11/justica-reconhece-ser-ilegal-o-desconto.html#comment-form

    ResponderExcluir
  15. não há mais o que se comentar. Definitivamente o governo é muito imoral.

    ResponderExcluir
  16. Não estamos discutindo a questão da inconstitucionalidade do desconto do FS. Estamos discutindo onde vamos ser atendidos após a suspensão dos descontos. Com certeza nos hospitais públicos e o HCAP será mais um. Vamos discutir como legalizar este desconto. Não me interessa parar o desconto e tentar recuperar os 5 anos. não daria sequer para uma cirurgia cardíaca,

    ResponderExcluir
  17. Houve um crime que certamente não haverá punição, por não se tratar de praça, o Maj Med do HCAP, Ch. da psiquiatria faltou ao serviço para o qual encontrava-se escalado , deixando em torno de 14 pessoas que lá estava internada, sem visita medica e prescrição, estou falando do DRº FLAVIO BRAGA. que foi encoberto pelo Sup de Dia Maj TADACHI, cabendo ao Med de dia, um gastroenterologista ter que subir por volta das 21:00 hs para passar visita e avaliar alguns companheiros, que se encontrava com mal agudo , sem ter algum conhecimento de medicação psiquiatra , esse é o nosso HCAP lindo e maravilhoso !

    ResponderExcluir
  18. Adilson Bandeira - Cap BM RJ18 de dezembro de 2013 00:47

    Por causa das denúncias é que o Estado está se apressando a legalizar um desconto nos nossos contracheques, será lançado um edital para convocar as operadoras interessadas no credenciamento de empresas interessadas em oferecer planos de assistências médica e odontológica ao funcionalismo. A saúde é um direito constitucional, já pagamos 40% de impostos e eu não vou para os demais Hospitais públicos, vou exigir que o meu melhore, e se a população tiver o nosso apoio, seguirá o nosso exemplo e irá as ruas exigir que os impostos pagos sejam investidos em saúde. Enquanto ficamos olhando para o nosso umbigo, o dinheiro está saindo pelas cuecas e meias dos Políticos corruptos.

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.