terça-feira, 3 de dezembro de 2013

O FUTURO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Pezão arregaça as mangas para assumir o governo do Rio Herdeiro do mandato de Cabral, vice-Governador já tem planos para quando assumir o comando do estado em abril. Dois deles serão importados’ de Piraí, sua cidade natal


Rio - O vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) sabe que pode até não ser eleito em outubro, mas é o único dos pré-candidatos que se tornará, efetivamente, governador quando Sérgio Cabral renunciar e for cuidar de seu futuro político. Por isso, Pezão já se prepara para tirar do papel três projetos que quer ver, ao menos, encaminhados em 2014. A menina de seus olhos é o sistema Guandu 2, que ele já começa a tocar quando assumir, em abril. A meta é conseguir “100% de abastecimento de água para a Baixada Fluminense”.




Saída de PT do governo é adiada de novo

A reunião que haveria em São Paulo ontem entre Luiz Inácio Lula da Silva, o senador Lindbergh Farias (PT) e o novo presidente regional do PT no Rio, o prefeito de Maricá, Washington Quaquá, não aconteceu porque o ex-presidente teve que voar para o velório do governador licenciado de Sergipe, Marcelo Déda (PT). O que houve foi um encontro de duas horas do líder petista com os novos presidentes regionais do partido.

Garotinho lidera pesquisa

O Datafolha divulgou ontem pesquisa de intenção de votos nos pré-candidatos a governador do Rio. Foram apresentados dois cenários, onde o deputado federal Anthony Garotinho (PR), que já governou o Rio, lidera. No primeiro, Garotinho ficou com 21%. Em segundo lugar, veio o senador Lindbergh Farias (PT) e o ministro da Pesca e Aquicultura, Marcelo Crivella (PRB), com 15%. O ex-prefeito do Rio e vereador Cesar Maia (DEM) ficou com 11%. Pezão veio em seguida, com 5%, acima do deputado federal Miro Teixeira (Pros), que obteve 3%. Bernardinho (PSDB) e Michel Temer empataram com 2%. No cenário sem Crivella e Bernardinho, Garotinho ficou com 24% e Lindbergh, com 19%. Cesar Maia, com 12%; Pezão, com 7%; Miro, com 5%; e Milton Temer, com 3%. A gestão do prefeito Eduardo Paes (PMDB) foi aprovada por 30% e reprovada por 33%, pior resultado desde que ele foi eleito em 2008.

SOS BOMBEIROS: Tudo ocorre como o previsto, Cabral queimado se afasta para que Pezão trabalhe sua imagem e concorra as eleições um pouco menos fraco. Quanto a nós bombeiros, precisamos iniciar logo nossas reuniões para avaliarmos quem dos pré-candidatos ao governo do estado tem a melhor proposta e nos transmite menos desconfiança, pois, neste período todos prometem tudo, mas como não somos ingênuos a comissão gestora do movimento ouvirá atentamente as propostas e pretensões dos que temos acesso, inclusive do Pezão (PMDB). Afinal não somos partidos, somos bombeiros, e temos que avaliar o que será melhor para o Corpo de Bombeiros, independente de ideologia, simpatia ou afeição pessoal. O maior interesse nesta hora é o da coletividade, doa a quem doer.

11 comentários:

  1. É dessa forma que será feito,pois será escolhido aquele que olhar dentro de nossos olhos e nós expormos nossas necessidades,não podemos escolher por promessas e sim por determinação em um dia termos realmente nossas conquistas serem realizadas,e aos que ficam falando de Candidatos,será escolhido também pela tropa,o Governador,que incondicionalmente vai até aceitar que a Tropa escolha o novo Cmt Geral do CBMERJ.

    ResponderExcluir
  2. O maior exemplo de impunidade e nojo no CBMERJ é o caso do Coroneu Pedófilo ADILSON DE OLIVEIRA PEREINEI, esse cara era o BAM BAM BAM dentro do quartel, fudia meio mundo se vacilasse com ele, o cara era escroto ao extremo e sabia de um montão de merdas e fazia também, e ainda teve uma comissão de 4 coroneis para absolver esse lixo. Isso toda a sociedade tem que saber, a minha parte eu faço insistentemente para vergonha dos malfeitores.

    ResponderExcluir
  3. Subtenente BM/ GV Valdelei Duarte.4 de dezembro de 2013 19:11

    Volto a falar e comentar, sempre lutei para que nós BOMBEIROS elegesse um fiel representante da nossa corporação, o CBMERJ. Surgiu o nosso MOVIMENTO SOS BOMBEIROS, mais não devemos esquecer que antes desse surgiu outros, como : o movimento dos Coronéis PMs BARBONOS e a marcha dos BARBONOS, a carta dos OFICIAIS DA PMERJ e do CBMERJ ao Governador Sergio Cabral em 2007, logo após ele assumir o Governo e não cumprir as suas promessas de campanha, o movimento NACIONAL DA PEC 300 2008\2009, onde o nosso estado foi o que se mais se mobilizou, organizando 3 grande marchas aqui na capital, e várias marchas nos municípios e comparecemos a todas as chamadas para aprovação da PEC 300 em caravanas a brasília. Mais a minha preocupação é; e será sempre com os caroneiros de plantões, dos paraquedistas e aproveitadores do movimento, e até mesmo dos companheiros que se acham habilitados para assumirem um cargo, e serem o nosso representante porque teve o seu minuto de fama em discursos, ou porque foi preso por conta de se manifestar e lutar pela nossa causa, isso não significa que o mesmo está habilitado para assumir um cargo parlamentar, não devemos confundir reivindicação com cargos políticos, e não aceito buscar dignidade pensando em projeção política.
    E para os que ainda não sabem de onde surgiu o lema : "JUNTOS SOMOS FORTES ", Quem criou este lema foi o então Maj.PM Wanderby, como vocês poderão confirmar aqui, inclusive as fotos das manifestações em que eu já participava em 2007, juntamente com alguns OFICIAIS do CBMERJ, e o então Cap. Marcio Garcia já participava e assinou a carta ao Governador Sergio Cabral, naquela ocasião nunca o Maj.BM Marcio Garcia imaginava que seria indicado, escolhido e hoje eleito e ocupando um cargo de vereador. Ao contrário de vários companheiros que aderiram aos movimentos pensando na política. http://wanderbymedeiros.blogspot.com.br/2007/07/juntos-e-fortes-prximos-passos.html

    ResponderExcluir
  4. as eleições estão chegando, e nós ainda estamos muito desmobilizados, para que aja democracia na escolha todos devem participar do processo, logo, se os seguimentos se desunem fica difícil que os representantes decidam. acredito que a tropa tem votar e assim, com um termômetro legitimo de aceitação da tropa, podemos considerar um candidato S.O.S. que tenha aceitação da maioria dos bombeiros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A TROPA É QUE TEM QUE INDICAR O BOMBA IMPARCIAL PARA NOS REPRESENTAR,POIS CHEGA DE FANFARRÕES E INTERESSEIROS.

      Excluir
    2. A TROPA É QUE TEM QUE INDICAR O BOMBA IMPARCIAL PARA NOS REPRESENTAR,POIS CHEGA DE FANFARRÕES E INTERESSEIROS.

      Excluir
  5. Vamos dar um pezão no rabo dele...

    ResponderExcluir
  6. Eu indico o Subtenente Valdelei.

    Quem mais envolvido na nossa luta desde o começo? Quem mais preparado e articulado?

    Ele nunca falou isso aqui, e creio que nunca pedirá para ser candidato, mas acho muito justa a indicação dele, se ele quiser ser.

    Não o conheço pessoalmente, mas acho que o meu pensamento pode ser o de um grande número de bombeiros aqui...

    O que acham? rsrs

    ResponderExcluir
  7. Cabral vai sair? kkk faça-me o favor... vai é ficar chupando a teta até o último segundo.... igual ao fanfarrão que disse que ia sair se os excluídos voltassem... isso mostra o que os motiva: sugar ao máximo os recursos públicos em benefício próprio

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.