sexta-feira, 31 de outubro de 2014

MAIS UMA AÇÃO EM DEFESA DOS POSTOS DE SALVAMENTO

Desde o início do meu mandato venho requerendo informações e providências em relação as péssimas condições dos postos de salvamento administrados pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro que estão em concessão para a iniciativa privada através de contrato com a empresa Orla Rio.

Como relatado no blog do SOS Bombeiros Rj (www.sosbombeirosrj.com) no linkhttp://www.sosbombeirosrj.com/2014/10/em-defesa-dos-postos-de-salvamento-da.html, solicitei através de Requerimento de Informação (nº 383/2013) ao Prefeito, pedindo explicações sobre as condições dos postos e indagando sobre inúmeras irregularidades no convênio com a Orla Rio. O RI foi encaminhado após longo estudo pelo jurídico em 09/05/2013 e respondido tão somente em 03/09/2014. Muitas respostas foram vagas e a documentação veio incompleta. Contudo, o referido corpo jurídico conseguiu obter copia do processo ajuizado pelo Ministério Público em face da Orla Rio e da Prefeitura tomando ciência do inteiro teor da situação.


Entenda o que houve em relação ao contrato. Assista: 

https://www.youtube.com/watch?v=YLa27cmOMGU

Além disso, criei a Comissão Especial (Resolução nº 1.298, de 7 de julho de 2014) com a finalidade de elaborar estudos e regulamentar a utilização da orla bem como analisar os contratos firmados pela Prefeitura junto a empresa Orla Rio.

Ocorre que nesse meio tempo as condições estruturais dos postos vem se agravando e a Prefeitura precisa tomar as devidas providências.

Nesse sentido, providenciei hoje (3/10/2014) o envio de ofício (GVMG 190/2014) a Secretaria de Conservação (Seconserva), indagando o que segue:

 

Considerando o Termo de Permissão de Uso 417/99-F/SPA e a repactuação celebrada em 27/01/2005 que recebeu o Termo Aditivo nº 013/05-SPA, firmado pela Prefeitura do Rio de Janeiro com a empresa privada Orla Rio Associados Ltda., inscrita no CNPJ/MF sob o nº 68.644.533/0001-40, que permite a operação, conservação e manutenção dos postos de salvamento e a administração dos 309 quiosques do Leme ao Recreio dos Bandeirantes;

Considerando que o Processo Aditivo ao Termo de Concessão 01/003.270/209 está vigente, mas suspenso por força de decisão judicial em caráter liminar;

Considerando que os postos são de suma importância para a garantia da segurança dos banhistas;

Considerando que não tem havido a devida manutenção mesmo existindo cronograma para tal e já desrespeitado antes mesmo da liminar judicial fazendo com que os guarda vidas fiquem expostos as intempéries, podendo comprometer a eficaz prestação do atendimento, com possibilidade de que vidas sejam perdidas;

Venho pela presente solicitar que V.Sra., principalmente com o apoio da Comlurb, retome a gestão e manutenção do patrimônio do município (postos de salvamento), até que a questão seja definitivamente decidida pelo judiciário e assim estabelecer se caberá a Seconserva ou Orla rio a referida manutenção dos postos.




Cobrar e fiscalizar são atribuições de todos os Vereadores. Essa é a imagem do projeto que a Prefeitura a autorizou mas não exigiu prazo para conclusão:



Mas a realidade é outra. Veja em http://youtu.be/6nAUKjh-gXo




Esperamos ter sucesso no pedido notadamente pelo fato de que o Secretário Municipal que gere a Seconserva é o tenente-coronel Marcus Belchior Corrêa Bento, que está há 16 anos no Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro.

Continuamos com o gabinete de portas abertas para receber as reclamações e sugestões dos Bombeiros Guarda Vidas. Nossos demais canais de comunicação também estão a disposição.

SOS BOMBEIROS: Agradecemos em nome dos Gv´s o empenho do Vereador Bombeiro Marcio Garcia no engajamento da busca, junto a prefeitura da cidade do Rio de janeiro, a resolução do problema dos postos de salvamento que afeta o bom serviço prestado pelos bombeiros

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

A CONSTITUIÇÃO PODE COLOCAR A CAPA VERMELHA


No momento em que as investigações sobre o petrolão avançam e mais autoridades com foro privilegiado são mencionadas pelos delatores do caso, a reeleição da presidente Dilma Rousseff permitirá a ela indicar mais cinco nomes para integrar o Supremo Tribunal Federal (STF). A partir de 2016, o único integrante do STF não indicado por um presidente petista será Gilmar Mendes. Se permanecer no cargo até a aposentadoria compulsória, ele deixará a corte em 2025. 

Hoje, há uma vaga aberta no tribunal: Dilma ainda não escolheu o sucessor de Joaquim Barbosa, que se aposentou em julho. Outros dois lugares surgirão na primeira metade do próximo mandato da presidente. Em novembro de 2015, Celso de Mello completará 70 anos e deixará a corte por causa do limite de idade. Decano do STF, ele foi indicado em 1989 pelo presidente José Sarney. Em julho de 2016, quem terá de se aposentar é Marco Aurélio Mello, nomeado por Fernando Collor em 1990.

Com exceção de Gilmar Mendes, dos outros dez ministros, três foram escolhidos por Lula: Ricardo Lewandowski, Cármen Lucia e José Dias Toffoli. Sete estarão na conta de Dilma: Luiz Fux, Rosa Weber, Teori Zavascki, Luís Roberto Barroso e os três nomes que ela ainda vai escolher. Dilma ainda poderá substituir outros três ministros em 2018: Lewandowski, Rosa Weber e Zavascki. Eles terão de se aposentar no último ano de mandato da presidente. 

A mudança no perfil do STF se acentuou nos últimos anos. O julgamento do mensalão deixou evidente uma divisão na corte: os ministros mais antigos, inclusive alguns nomeados por Lula, foram mais rigorosos do que os integrantes mais novos do Supremo. O julgamento dos embargos do processo, que favoreceu os condenados e reduziu a pena de figuras como José Dirceu e José Genoino, teve a participação decisiva dos novatos Teori Zavascki e Luís Roberto Barroso.

Durante o julgamento dos embargos, após a absolvição dos réus que haviam sido condenados por formação de quadrilha, Joaquim Barbosa afirmou que os novos nomes foram escolhidos para livrar os mensaleiros: "Temos uma maioria formada sob medida para lançar por terra o trabalho primoroso desta corte no segundo semestre de 2012", disse. Barbosa também fez um alerta: "Sinto-me autorizado a alertar a nação brasileira de que esse é apenas o primeiro passo. É uma maioria de circunstância que tem todo o tempo a seu favor para continuar sua sanha reformadora".




SOS BOMBEIROS: Sinceramente não sei se trazemos palavras de consolo, desespero, esperança, em fim. Que o nosso futuro inspira muito cuidado e preocupação isso é fato, aparelhamento total do STF.

O BRASIL PEDE SOCORRO!!!

PROTOCOLADOS 14 PEDIDOS DE IMPEACHMENT DE DILMA NA CÂMARA

Reprodução FolhaPolitica.org

SERÁ QUE COLA???

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

AGRUPAR!

Bombeiros, infelizmente o resultado das eleições não foi exatamente o que gostaríamos mas nem tudo está perdido.



Felizmente, muitos avanços foram alcançados no decorrer desse período, tivemos candidatos eleitos, gratificações, promoções, e outras conquistas.  Isso se deve graças à Deus, a nossa coragem e nossa união, mas ainda falta muito a ser feito; novas conquistas pra nós, nossas famílias, e até pra nossa sociedade. 
Visando isso, entendemos que precisamos de mais organização; já temos representatividade na esfera federal e na esfera municipal mas precisamos de representatividade estadual, jurídica, de amparo direto, de novas oportunidades de crescimento, e por que não lazer?

S.O.S. Bombeiros: já provamos que é possível a mudança se houver cooperação e força de vontade. 
Venha fazer parte dessa família e continuar escrevendo nossa história, pois daqui pra frente precisamos somente de uma pessoa: VOCÊ! Pois somente juntos continuaremos a ser fortes! 

Associação S.O.S. Bombeiros
Rua General Sezefredo, 168 - Realengo
 Rio de Janeiro-RJ
Telefone: (21)3281-0130

Aberto das 09:00 às 17:00.
associacaososbombeiros@gmail.com

terça-feira, 28 de outubro de 2014

AINDA NO MESMO PROPÓSITO SOLICITAMOS...

Doação de sangue de qualquer tipo, para o Sargento Tavares, a fim de realizar uma cirurgia no braço. Aquele que ontem (27), à tarde, foi alvejado próximo ao hospital da lagoa, vítima de um assalto.




A doação deverá ser realizada na Central da Polícia Militar HCPM - R. Estácio de Sá, 20 20211-270 Estácio de Sá - Rio de Janeiro

De 08h às 10h - em nome de ALAN TAVARES CAVALCANTE 

SOLICITAMOS SUAS ORAÇÕES

GostarÍamos de contar com seu apoio numa grande corrente de fé, em oração, a favor do nosso irmão de farda Adriano Santanna do Carmo da Silva, o Subtenente Santanna do HCAP. 


O mesmo foi acometido de um infarto na noite passada, sendo submetido a um cateterismo e angioplastia... Agora encontra-se internado na unidade coronariana do hospital Pedro Hernesto
.




FORÇA COMPANHEIRO, 
DEUS É CONTIGO!!!

ADVOGADA DENUNCIA POSSÍVEL FRAUDE NAS URNAS ELETRÔNICAS

Há menos de três meses, um jovem hacker, recém formado pela Universidade de Brasília, acessou o sistema das urnas eletrônicas no TSE e descobriu, entre 90 mil arquivos, um software que possibilita a instalação de programas fraudados: o “Inserator CPT”. A ação foi planejada pela CMind (Comitê Multidisciplinar Independente), formado por especialistas em tecnologia.


A advogada Maria Aparecida Cortiz, que participa do grupo, articulou a estratégia dentro do Tribunal Superior Eleitoral, representando o PDT, depois que o presidente da Corte Dias Toffolli anunciou que não abriria edital para testes nas urnas das eleições 2014. “Não vai fazer teste? Então vamos por um hacker lá dentro para descobrir o que tem de errado”, disse em entrevista ao GGN.


Cortiz descobriu outra brecha no sistema: além do Inserator, o programa comandado pela empresa Módulo Security S/A – conforme relato do GGN a única proprietária do serviço por 13 anos com contratos irregulares – é transmitido de Brasília para os estados por meio da insegura rede da Internet.




Em 2012 a Dra Cortiz participou de um seminário, no qual o Vereador Bombeiro Marcio Garcia também participou, onde reuniu muitas pessoas de diversos segmentos, repartições e camadas da sociedade, que expuseram, cada um dentro do seu ramo de atuação, as experiências que tiveram com fortíssimos indícios de fraude nas úrnas eletrônicas. 

Participou até um Hacker que vivia sob a proteção de alguns policiais civis, devido o risco de morte que corria, pois este havia feito revelações de como se dava a manipulação dos votos na hora da apuração. E que teria participado do esquema nas eleições daquele ano (2012) no primeiro turno.




As denúncias de irregularidades foram enviadas ao TSE em uma petição. Entretanto, a petição não virou processo e foi arquivada por um juiz da Secretaria de Informática. Além da omissão do próprio ministro Dias Toffoli, a advogada ainda denuncia o desaparecimento de quatro páginas do documento. “É o crime perfeito. O réu julga suas próprias ações”, conclui.





SOS BOMBEIROS: Esse é um tema que o TSE não quer discutir. Porque será? muito provavelmente por estar eivado de brechas que fragilizam nosso processo eleitoral.
Recentemente tomamos conhecimento que a CIA (agência central de inteligência) monitorava até mesmo as correspondências eletrônicas da presidente do Brasil, logo, isso nos permite especular que neste universo eletrônico, se realmente fosse tão seguro, as maiores nações do mundo teriam sido as primeiras a adotarem o método. 

PARABÉNS AOS SERVIDORES PÚBLICOS

Queremos saudar neste dia (28), àqueles servidores que doam parte de suas vidas para a construção de uma rua melhor, de um bairro melhor, de uma cidade melhor, de um estado melhor e até mesmo de uma nação melhor.






A TODOS VOCÊS QUE SE DOAM AO PRÓXIMO, QUE SABEM O QUE É SERVIR, PARABÉNS, E OBRIGADO POR EXISTIREM!

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

BOMBEIRO DO GBS É BALEADO NA ZONA SUL DO RIO

Bombeiro é baleado próximo a hospital na Zona Sul do Rio

Homem foi encaminhado ao Hospital da Lagoa, onde passou por cirurgia.
Polícia Civil investiga se crime foi premeditado ou tentativa de assalto.



Bombeiro foi internado no hospital da Lagoa

Um sargento do Corpo de Bombeiros foi baleado nas proximidades do Hospital da Lagoa, na Zona Sul do Rio, na tarde desta segunda-feira (27). De acordo com o 23º BPM (Leblon), Alan Tavares Cavalcante foi atingido no tórax e no braço. O caso foi registrado na 15ª DP (Gávea).
O bombeiro é lotado no Grupamento de Busca e Salvamento da Barra, na Zona Oeste, e não estava de serviço quando foi baleado. Alan chegava de carro no Hospital da Lagoa para realizar exames, quando foi abordado por dois homens em outro veículo, que dispararam contra ele. O militar passou cirurgia no Hospital da Lagoa.

A Polícia Civil investiga se o crime teria sido uma tentativa de assalto ou ação premeditada contra o sargento. Nenhum pertence foi roubado de Alan.

Uma senhora disse que estava passando próximo ao Hospital da Lagoa quando ouviu barulhos de tiros. "Eu me assustei porque estava andando pra ir fazer uma consulta no hospital em plena luz do dia quando um rapaz me contou que um bombeiro foi baleado. Eu trabalho aqui perto e tenho medo de andar por essas ruas aqui", disse a doméstica Beatriz Pereira.

SOS BOMBEIROS: Desejamos a este companheiro toda sorte de bençãos no que tange sua recuperação após os procedimentos cirúrgicos.
Nossa cidade esta realmente muito violenta. Quem diria, baleado na lagoa, zona sul do Rio de janeiro.
Vigiar e orar.

EM DEFESA DOS POSTOS DE SALVAMENTO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

Tomamos conhecimento de algumas ações que o Vereador Bombeiro Marcio Garcia vem implementando, na câmara municipal, com o intuito de organizar o funcionamento da orla da cidade do Rio de janeiro, bem como cobrar a manutenção dos postos de salvamento, tão úteis para os Guarda-vidas; que se já não bastasse os problemas com a falta de manutenção, ainda sofre com as ações de depredação da própria prefeitura.



Reforma do antigo postinho da praia Vermelha

Depois da ação da SEOP da Prefeitura


Foi neste sentido que o mandato do Vereador Bombeiro criou a Comissão Especial (Resolução nº 1.298, de 7 de julho de 2014) com a finalidade de elaborar estudos e regulamentar a utilização da orla bem como analisar os contratos firmados pela Prefeitura junto a empresa Orla Rio.

Haverá reuniões, as quais poderão comparecer representantes de associação de moradores, de categorias esportivas, representantes dos quiosqueiros, representante do corpo de bombeiros (Grupamento Marítimo) e associações de bombeiros; este  último com o fito de apresentar os problemas vividos com a falta de conservação, falta de profissionais e as péssimas condições dos postos.

Solicitou-se um requerimento de Informação (nº 383/2013) ao Prefeito, pedindo explicações sobre as condições dos postos e indagando sobre varias irregularidades no convênio com a Orla Rio, enviado em 09/05/2013 e respondido tão somente em 03/09/2014. Muitas respostas foram vagas e a documentação veio incompleta. Contudo, nosso jurídico conseguiu obter copia do processo ajuizado pelo Ministério Público em face da Orla Rio e da Prefeitura.

Pretende-se oficiar a Prefeitura com cópia ao Ministério Público relatando os problemas de cada posto de salvamento, anexando fotografias.
Fonte: marciogarciarj.com.br

Gmar sofre um golpe da SEOP (secretaria de ordem pública)

No último final de semana, o Gmar de Botafogo sofreu um golpe da SEOP, que na madrugada de sábado destruiu um posto de salvamento de estava sendo reconstruído na praia vermelha.

Espaço este que serviria de abrigo para o Guarda-vidas ter uma melhor condições para continuar realizando seus salvamentos, garantindo a segurança daquela praia.





Contudo, logo após o fato ocorrido, tivemos aqui através deste canal a manifestação, assinada, supostamente, pelo Cel Ângelo, de que já no dia de hoje (27) bem cedo estaria na sede da administração da SEOP para apurar o acontecido.


O movimento agradece primeiramente a audiência do Ilustre Cel, comandante do CBA XI, e solicita que o mesmo tão logo obtenha uma explicação, que a torne pública para conhecimento dos Gv´s que se sentiram agredidos com tal atitude.

A infraestrutura para o serviço é tão importante e necessária, que tudo que o Gmar não precisava era ter a prefeitura combatendo quem só quer ter condições para garantir a segurança dos nossos cidadãos, prestando um serviço de qualidade.


AGUARDAMOS NOTÍCIAS CEL ÂNGELO! 

E O POVO DECIDIU ASSIM...


Passados o período da loucura eleitoral, o qual acaba a envolver todos nós, ficamos assim definidas as representatividades em âmbito de estado e federação.

A soberania do povo escolheu para presidente da república Dilma Rousseff e Governador do Estado do Rio de Janeiro Fernando Pezão.

Cabe nos  fazer uma limonada destes limões que ficou no cesto de nossa vida.

sábado, 25 de outubro de 2014

ENTENDA OS REAIS EFEITOS DO VOTO NULO

Prestem bem atenção na explicação deste vídeo, e perceba quais os efeitos do voto nulo




Quando se vota nulo você abre mão de manifestar sua opinião e o pior, você aumenta a proporção dos outros candidatos. E se só tiverem dois concorrentes, anular, equivale a dar apoio ao outro adversário, e que normalmente é aquele que tem a campanha com maior recurso financeiro, apoio da mídia, e material na rua.

Ou seja, se numa eleição temos apenas dois candidatos e um deles você não quer que se eleja, ou reeleja em hipótese alguma; você terá que votar no outro candidato, para contribuir com o seu objetivo.

SOS BOMBEIROS: Já estamos na semana da eleição em 2° turno, e fato é, que até então, não se conseguiu uma oportunidade com o candidato que é oposição ao governo Pezão/Cabral. E por isso, estamos trazendo estas informações para agregar na sua reflexão sobre qual deve ser seu voto no próximo domingo.

Se até lá não surgir novos fatos o único posicionamento indicado pelos bombeiros através dos nossos canais é de que não votaremos em hipótese alguma, nem de brincadeira, no candidato do PMDB, mais especificamente PEZÃO/CABRAL.

Boa reflexão, bom voto a todos, e independente do próximo Governo, juntos sempre estaremos!!!

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

LULA E DILMA SABIAM DE TUDO, AFIRMA DOLEIRO.

Dilma e Lula sabiam de tudo, diz Alberto Youssef à PF

Em depoimento prestado na última terça-feira, o doleiro que atuava como banco clandestino do petrolão implica a presidente e seu antecessor no esquema de corrupção


Na última terça-feira, o doleiro Alberto Youssef entrou na sala de interrogatórios da Polícia Federal em Curitiba para prestar mais um depoimento em seu processo de delação premiada. Como faz desde o dia 29 de setembro, sentou-se ao lado de seu advogado, pôs os braços sobre a mesa, olhou para a câmera posicionada à sua frente e se colocou à disposição das autoridades para contar tudo o que fez, viu e ouviu enquanto comandou um esquema de lavagem de dinheiro suspeito de movimentar 10 bilhões de reais. A temporada na cadeia produziu mudanças profundas em Youssef. Encarcerado desde março, o doleiro está bem mais magro, tem o rosto pálido, o cabelo raspado e não cultiva mais a barba. O estado de espírito também é outro. Antes afeito às sombras e ao silêncio, Youssef mostra desassombro para denunciar, apontar e distribuir responsabilidades na camarilha que assaltou durante quase uma década os cofres da Petrobras. Com a autoridade de quem atuava como o banco clandestino do esquema, ele adicionou novos personagens à trama criminosa, que agora atinge o topo da República. Perguntado sobre o nível de comprometimento de autoridades no esquema de corrupção na Petrobras, o doleiro foi taxativo:

— O Planalto sabia de tudo!

— Mas quem no Planalto?, perguntou o delegado.

— Lula e Dilma, respondeu o doleiro.

Conheça, nesta edição de VEJA, os detalhes do depoimento que Alberto Youssef prestou às autoridades.



SOS BOMBEIROS: Precisamos dar uma resposta firme através das urnas neste domingo. Os fatos apresentados são muito graves e determinantes do futuro de nosso país.

GOLPES QUASE QUE PERFEITOS POR UM FIO

Luiz inácio Lula da Silva já cogita a possibilidade de sair do Brasil, caso seu plano de poder para o PT não se concretize. Na verdade ele visa evitar sua prisão por crimes de corrupção.

Enquanto isso o PT através de sua influência vai segurando o que dá, até onde for possível






quinta-feira, 23 de outubro de 2014

PMDB DO RIO AFUNDA NO MAR DE DENÚNCIAS

DE MENINO POBRE A RICO FAZENDEIRO


Paulo Melo e Ronald de Carvalho promoveram leilão de gado na véspera da denúncia das UPAs








Vejam como é tudo uma maracutaia só, uma cambada só. Vocês vão entender na matéria abaixo, o envolvimento de Cabral, Picciani, Paulo Melo e Pezão com o esquema de superfaturamento de UPAs e UPPs no governo do Estado. Para não deixar nenhuma dúvida da intimidade, ousadia e dos negócios paralelos do grupo, na sexta-feira, na véspera da denúncia da revista VEJA, foi realizado no Portobello Resort, o Leilão Nelore Rio Elite. Vocês poderão conferir no convite acima, os nomes dos promotores do evento, entre eles Paulo Melo, presidente da ALERJ e agora dono da Mauá Agropecuária Reunida (quem diria Paulo Maria-Mole virou fazendeiro) e Ronald de Carvalho, da Fazenda Boa Vista. Entre os convidados, também sinalizado em vermelho no convite, estão Jorge Picciani e Filhos, do Grupo Monte Verde.








É bom lembrar que o PortoBello Resort fica em Mangaratiba, no mesmo condomínio onde Cabral tem sua mansão inexplicável, comprada, segundo ele, com dinheiro emprestado pelos assessores. 

Quero avisar que nas próximas semanas estaremos divulgando o enorme sucesso de Paulo Maria-Mole como fazendeiro. Só vou adiantar que para não ficar atrás de Picciani, ex-presidente da ALERJ que o antecedeu, já adquiriu uma fazenda em Uberaba, vizinha à do amigo. Estão juntos em mais uma empreitada. Mas isso é assunto para as próximas semanas. Voltemos agora para as ligações da “turma de Cabral” que administra o Estado com o empresário Ronald de Carvalho. O convite acima não deixa dúvidas: eles têm negócios paralelos e se conhecem muito bem. 


O golpe para superfaturar as UPAs e UPPs 

Vou revelar como funciona o golpe que o Mão Grande montou para o seu amigo Ronald de Carvalho ganhar todas as licitações das UPAs e UPPs.
 
A jogada começa com a Metalúrgica Valença (o galpão abandonado) apresentando sempre o preço mais baixo. Muito bom isso, alguns dirão. Mas não sabem como funciona o golpe. Depois da obra ganha, Pezão passado um tempo, manda a secretaria de Saúde liberar um aditivo de 30% no valor da obra e com isso seu amigão Ronald de Carvalho acaba fazendo as UPAs superfaturadas, mais caras que o maior preço apresentado. Reparem na reprodução abaixo que no dia 11 de março de 2011, a secretaria de Saúde publicou no Diário Oficial, 17 aditivos para obras de UPAs, a cargo da empresa de Ronald de Carvalho, que fizeram com que 8 unidades tivessem seu preço final acrescido de mais R$ 10,5 milhões. Isso é apenas uma amostra. Outros aditivos foram aprovados para outras UPAs. 

Entenderam agora como funciona o golpe do Mão Grande com Ronald de Carvalho? O que parece ser mais barato não chamando a atenção, no final fica muito mais caro. O Mão Grande é realmente um espertalhão.

Cliquem no link abaixo e conheçam todos os detalhes da maracutaia das UPAs, que envolve não apenas Pezão, Cabral e Ronald de Carvalho. Outro personagem dessa história podre é o prefeito de Valença, Vicente Guedes, outro amigo de longa data do Mão Grande, que cedeu o terreno do galpão abandonado gratuitamente. Vicente Guedes foi vice de Pezão na Associação dos Prefeitos do Estado do Rio de Janeiro. Vocês vão ver todos os documentos, comprovantes de pagamentos, publicações do Diário Oficial, e até duas fotos de Cabral e Ronald de Carvalho na inauguração da fábrica que não fabrica.







quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Mulher de afogado no Rio entra com queixa-crime por falta de salva-vidas

Michael Cordeiro da Silva se afogou na Praia da Reserva, no dia 15.
Corpo de professor de História foi achado e reconhecido nesta quarta.



A mulher do professor de história Michel Cordeiro da Silva, de 31 anos, encontrado morto nesta quarta-feira (22) após desaparecer no mar da Praia da Reserva, na Zona Oeste do Rio, no Dia do Professor (15), entrou com uma queixa-crime no Ministério Público Militar (MPM) denunciando a falta de salva-vidas suficientes na área onde o marido desapareceu. Daiana Machado Rezende, que é advogada, contou ao G1 que fazia muito tempo que o marido não ia surfar no local.
"Estou enviando isso contra o Corpo de Bombeiros e o Governo do Estado porque houve uma omissão", afirmou. A deputada Janira Rocha (PSOL), enviou nesta terça-feira um ofício à CET-RIO, pedindo imagens das câmeras em frente ao ponto onde Michael se afogou.
Segundo Daiana, oito pessoas se afogaram no local no mês passado e três morreram. Daiana afirmou que os afogamentos têm sido constantes na Praia da Reserva em frente ao quiosque Ilha 5. O G1 tentou contato com o Corpo de Bombeiros e com o MPM, mas até a publicação desta reportagem não havia tido resposta.

terça-feira, 21 de outubro de 2014

UMA VISITA INESPERADA AO 2º GMAR QUE NÃO PRODUZIU NADA

Nesta última segunda-feira (20), recebemos pela manhã no 2º Gmar- Barra da Tijuca a visita do Ilustre Cel BM Jorge Angêlo da Rocha, cmt do  XI.



Pois bem, a tropa presente ficou na maior expectativa pelas palavras do comandante. Até porque chegou com toda pressão e uma atitude que já não impressiona a mais ninguém no grupamento marítimo. "O mesmo retirou a canícula, do 2ºF, na frente de todos, alegando que não gostariam que os Gv´s o vissem como coronel, mas sim como homem"

Poxa comandante, se poupe deste teatro da próxima vez, as experiência que o Gmar vivenciou nos últimos três anos, permitiu que estes militares assistissem episódios de teatralização bem mais habilidosos. Se quer convencer que realmente está lutando pelo grupamento marítimo mostre o resultado de seu trabalho e dedicação, todavia vamos ao que interessa:


Inicialmente Falou falou falou, e não disse nada de concreto, nada de substancial, como se diz na gíria GOMA. 
Deu um apertozinho, de leve, na rapaziada que anda meio cabisbaixa, desmotivada, não era pra menos, no dia anterior, alguns dos militares presentes encontravam-se de serviço e ralaram muito no primeiro dia de horário de verão, na via 11 mais de cem socorros, no posto 3 mais de 30; logo o aspecto cansado de alguns não era à toa. 

Alem disso acreditava-se que com a criação do CBA XI muita coisa mudaria pra melhor, que teriam uma representatividade em defesa das necessidades dos profissionais de salvamento no mar, mais isso não tem acontecido da forma como se esperava, o sentimento de abandono, seja através da condição dos postos, no baixo efetivo, na escassez de equipamento, no cuidado da parte da administração, é enorme; motivação quase zero.

Depois de muito falar, abriu para perguntas;

-  Perguntado sobre o porquê de no último concurso não ter aberto vagas para o Gmar o mesmo disse: "Também estou na busca desta resposta, pois não a tenho, e me comprometo a trazê-la quando conseguir." 

10 para a sinceridade e zero para a desinformação. É inadmissível a tropa olhar para seu espelho e não perceber nele um empenho na resolução de problemas gravíssimos como o do efetivo, mesmo quando ele conta sua experiência de numa reunião política do Lauro Botto (candidato do comando) ter entregue ao governador vigente uma planilha da necessidade de concurso para o Gmar, e defender o contentamento da promessa de uma análise futura como resposta. 

A essa altura do campeonato comandante, responder aos GV's a questões que urge e sobrecarrega seu serviço, com uma promessa politica, é no mínimo estar fora de sintonia com a tropa. Aí não dá, é de causar perplexidade em qualquer um. 
O verão bate a porta e só Deus sabe como os guarda-vidas do Rio de janeiro passarão esses próximos meses.

- Perguntado sobre o reajuste do GVT, pois o imposto de renda come uma fração, além de já defasado, adivinhem a resposta: "Ainda não temos nada definido, mas estamos buscando isso".

- Perguntado mais uma vez sobre uma alternativa para que postos como via 11 e retorno não fiquem ativados somente com um homem e outros intermediários sem nenhum, o mesmo desconversou e falou sobre o protótipo de posto móvel, que vimos recentemente em exibição no central, de que não era adequado, e que está sendo providenciado alguns semelhantes aos que tem hoje no recreio.

- Perguntado sobre o que poderia intervir para que os guarda-vidas tivessem respeitada pelo hospital, quando apresentam-se com lesões ou outras doenças, suas necessidades de licença e dispensa, pois a determinação da direção é percebida no embaraço dos médicos, que apresentam uma enorme dificuldade de fazer o que o paciente GV necessidade, por chocar com as determinações dos diretores, o mesmo tirou o corpo fora e jogou a responsa para os comandantes de unidades, que eles é quem têm o dever de brigar pelos seus bombeiros.
Como se um cmt de unidade tivesse força para brigar contra diretores que cumprem as ordens do comando geral. Hilário.


Em suma, 1:40h de conversação e nenhuma proposta real, concreta, sólida, palpável, que atenda aos anseios e necessidades básicas da tropa foram apresentadas aos guarda-vidas. 
Lamentável....

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

MAIS PRA VOCÊ



Nós do SOS Bombeiros sempre  tivemos a preocupação de ajudar nossa tropa a se instruir, por isso tantos convênios com entidades educacionais. Temos consciência de que quanto mais conhecimento se tem, mais valorizado é o profissional e menos manipulável ele é. 
Ajudamos diversos militares a iniciar ou concluir seus ensinos superiores, mas hoje trazemos mais uma boa pra você que já concluiu seu ensino superior  e ainda quer mais: 

A Associação S.O.S. Bombeiros está disponibilizando três vagas para Pós-Graduação com 50% de desconto na Universidade Estácio de Sá. 

Os Associados interessados deverão entrar em contato conosco, mas se você ainda não é associado, não perca essa oportunidade unica! Corra já pra nossa sede, a inscrição é feita na hora e você já poderá pleitear seu direito. 

Essa promoção é exclusiva para Bombeiros Militares, independente de serem praças ou oficiais; 
Não há triagem pra aceitação de bombeiros na associação, TODOS são bem vindos;
A distribuição desse brinde será por ordem de chegada.


Associação S.O.S. Bombeiros
Rua General Sezefredo, 168 - Realengo
 Rio de Janeiro-RJ
Telefone: (21)3281-0130

Aberto das 09:00 às 17:00.


PEZÃO NO MAR DE LAMAS DA PETROBRAS

Reprodução da coluna de Cláudio Humberto
Reprodução da coluna de Cláudio Humberto


Segundo o jornalista Cláudio Humberto, Pezão está enterrado até o pescoço no esquema de corrupção da PETROBRAS. Está mais encrencado que Cabral. O ex-diretor da PETROBRAS Paulo Roberto Costa no seu depoimento à Justiça Federal entregou Pezão como um dos beneficiários do esquema de propinas. Afirmamos aqui há algum tempo, que o Hudson Braga, o Braguinha, "braço-direito" de Pezão, era o homem que fazia a ligação com Paulo Roberto Costa. Está tudo se confirmando. 
Fonte: blogdogarotinho
FORA PEZÃO!!!

domingo, 19 de outubro de 2014

Você já conhece o GAECO/RJ - Grupo de atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do MPE

Nas últimas semanas vimos através do noticiário a atuação de um grupo do ministério público se destacando pelo seu trabalho. Prisões foram feitas e desvendamento de esquemas de corrupção descobertos. Eis que surge um renova em nossas esperanças de justiça contra toda essa pilantragem que vemos especialmente na segurança pública.

Entenda um pouco mais:


CAPÍTULO I
DA CRIAÇÃO E FINALIDADE

Art. 1º - Fica criado, na estrutura da Procuradoria-Geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, por transformação do Núcleo de Combate ao Crime Organizado e as Atividades ilícitas Especializadas ( NCCO), o Grupo de Combate ao Crime Organizado ( GAECO/RJ ).
Art. 2º - O GAECO tem por finalidade identificar, prevenir e reprimir o crime organizado e as atividades ilícitas especializadas no Estado do Rio de Janeiro, bem como interagir Promotorias e Procuradorias de Justiça para atuações conjuntas.
Parágrafo único - GAECO possui abrangência em todo o Estado do Rio de Janeiro, podendo ser criados setores atuação regionalizada ou especializada, conforme o interesse institucional, devendo a Coordenadoria Segurança e Inteligência ( CSI ) e os Coordenadores dos Centros Regionais de Apoio Administrativo Institucional ( CRAAIs ) prestar apoio necessário a seus membros, no exercício de suas funções.
Rio de Janeiro, 05 de março de 2010.
Cláudio Soares Lopes.
Procurador- Geral de Justiça.


FAÇA POR AQUI SUA DENUNCIA: OUVIDORIA DO MPE - GAECO
Os campos a serem preenchidos com dados pessoais são opcionais e podem ser deixados em branco, sem prejuízo do acompanhamento dos casos pelo número de registro que será enviado ao comunicante assim que sua comunicação for processada no sistema da Ouvidoria.

O sistema da Ouvidoria não permite o envio de arquivo anexo. Caso seja necessário para fins de complementação da comunicação, o anexo pode ser entregue na sede do Ministério Público ou enviado por correspondência (Av. Marechal Câmara, 370 – Centro – Rio de Janeiro – Cep: 20.020-080).
A comunicação também pode ser feita pelo telefone 127.

www.mprj.mp.br


FAÇA SUA PARTE.
DENUNCIE!!!