sábado, 29 de novembro de 2014

MANIFESTAÇÕES DE REPÚDIO PELAS MORTES DE POLICIAIS GANHAM FORÇA NAS REDES SOCIAIS E CONVOCAM PARA ATO 14 DEZEMBRO

 


A gente está fazendo esta campanha, principalmente, para apoiar a proposta de transformar em crime hediondo o crime contra servidores da segurança pública. Vamos fazer um manifesto no dia 14 de dezembro, em Copacabana, com a presença de policiais militares e civis mortos e também sobreviventes, policiais que carregam sequela até hoje. Queremos o endurecimento das penas. Tem que ter leis para proteger a vida do policial. Neste crime de insegurança, a sensação que está é de que podemos ser o próximo, e isso acaba afetando no serviço que a gente presta à sociedade — comentou a cabo da Polícia Militar Flávia Louzada.
O deputado Flávio Bolsonaro também entrou na campanha. Além de compartilhar a mensagem no Facebook, ele também vai entregar à presidência do Congresso Nacional uma petição pedindo urgência na votação de um projeto de lei que torna hedindo os crimes cometidos contra a vida de servidores da segurança pública.

Manifestação nas redes sociais:





Nós do SOS BOMBEIROS repudiamos a morte de policiais # basta!!!

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

TRABALHANDO PELA DIGNIDADE DOS GUARDA-VIDAS

A associação dos Bombeiros no propósito de levar um pouco mais de dignidade para os Bombeiros Guarda vidas, viabilizou com apoio do Vereador Bombeiro Marcio Garcia e outros seguimentos, a restauração e colocação dos blindex dos postos de salvamento da Orla do Recreio dos Bandeirantes.

Acompanhem como estava, por abandono da Empresa Orla Rio, e como ficou:

POSTO 12 - Manutenção dos Trilhos




















POSTO 11 - Restauração completa:





Em dias de chuva no posto 11 era assim:



HUMILHAÇÃO, ABANDONO, DESRESPEITO, ESCULACHO!!!

Depois da restauração:




POSTO 10 - Manutenção e colocação de uma folha:




POSTO 09 - Restauração completa:



Restaurado:



A razão principal de existir da associação é está: lutar pelos interesses e necessidades dos bombeiros; dar um pouco de dignidade; não se conformar e correr atrás de quem pode ajudar àqueles que arriscam suas vidas, e as perde a cada dia de serviço, para que muitos possam viver.

Lamentamos profundamente que o comando do CBA XI ( Cel Ângelo Rocha) não reconheça que não conseguiu resolver as necessidades básicas dos nossos heróis e ainda numa atitude pequena, atrapalha quem conseguiu ajudar um pouco os Guarda Vidas; talvez se o gabinete dele fosse num desses postos sua postura seria diferente.
Temos consciência que o ideal é a reforma completa dos postos e sua constante manutenção, tomara que com esse empurrão tudo ande.

Nossos heróis do mar merecem mais respeito e importância da parte de seus comandantes; não hajam politicamente com os Gv´s, quando se está precisando de socorro, tudo que se espera é ajuda e não politicagem.

Fica então mais uma prova de que juntos os bombeiros são fortes. A Orla Rio não conseguiu colocar os blindex em 4 anos de concessão, unidos uma parte importante das necessidades está se resolvendo em poucos meses.


Querendo conhecer melhor, participar, fortalecer, trabalhar, somar e construir, você poderá encontrar está associação em:


Associação S.O.S. Bombeiros
Rua General Sezefredo, 168 
- Realengo Rio de Janeiro-RJ
Telefone: (21)3281-0130
Aberto das 09:00 às 17:00.

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

CBA XI E ORLA RIO JUNTOS CONTRA O GUARDA VIDAS

A História com a Orla Rio começa no ano de 2010, quando ela , através de concessão, passa a ser a responsável pelos 27 postos de salvamento entre Recreio dos Bandeirantes e Flamengo, recebendo das mãos da Comlurb (Antiga responsável).


OFÍCIO DO SECRETÁRIO CARLOS OSÓRIO INFORMANDO AO SUPERINTENDENTE DE PATRIMÔNIO A CONCESSÃO DOS POSTOS DE SALVAMENTO A ORLA RIO

TERMO DE ENTREGA DOS POSTOS, PASSANDO DA COMLURB PARA A ORLA RIO

Desde então a responsabilidade da manutenção e futuros reparos passou a ser desta associação. O tempo passou e a mesma não cumpriu os termos contratuais, ano após ano, abandono e indiferença aos reclames dos bombeiros quanto à depreciação que o espaço sofria.

No quartel os comandantes defendiam-se, quando cobrados , informando que não têm ingerência sobre os postos, não podendo fazer nada.
A situação chegou a este ponto:


Posto 7 - Barra da Tijuca

Posto 7 - Barra da Tijuca






Posto 5 - Barra da Tijuca












Posto 5 - Barra da Tijuca



Posto 4 - Barra da Tijuca


Posto 3 - Barra da Tijuca



























Posto 2 - Barra da Tijuca



Posto 11 - Recreio











Posto 11 - Recreio
Posto 9 - Recreio






















Como podem ver,cada um pior que o outro. E os Guarda vidas se virando para se protegerem do vento forte e chuvas do lado de dentro do posto. 




Enquanto o bombeiro estava igual a mendigo, largado nos postos, sustentando todas as intempéries possíveis e dando seu jeitinho, estava tudo bem. Bastou surgir uma ajuda (PROVENIENTE DA ASSOCIAÇÃO SOS BOMBEIROS) para que os representantes da Orla Rio começasse a se mexer. 

O Comando numa atitude reprovável, em apoio mais uma vez em ao governo (Orla Rio / Prefeitura) determinou o embargo do recebimento da manutenção e instalação dos blindex dos postos de salvamento, cujo objetivo principal é proteger e preservar estes profissionais, tornando o serviço menos duro.





É isso mesmo que vocês ouviram, o comandante do CBA XI, Cel Ângelo Rocha, determinou a proibição das instalações dos blindex dos postos da Barra da Tijuca.

ABSURDO!!!


E pra agravar, o oficial de dia de ontem (27), passou nos postos e recolheu os blindex que já haviam sido entregues, só aguardando sua instalação.


AGORA O QUE OS GUARDA-VIDAS QUEREM SABER É:

CEL BM ÂNGELO ROCHA DE QUE LADO O SENHOR ESTÁ? SUA ATITUDE NÃO DEMONSTRA  NEM UM POUCO DE PREOCUPAÇÃO COM SITUAÇÃO DE SEUS BOMBEIROS!!!


O BOMBEIRO ESTÁ SENDO HUMILHADO, ESCULACHADO E QUANDO VEM UMA AJUDA O SENHOR IMPEDE?



VAIDADE OU DESPEITO?

NA PRÓXIMA SEGUNDA(01), TRE DECIDIRÁ A VIDA DE PEZÃO


SOS BOMBEIROS: Sabemos que as chances de se fazer justiça é pequena, porém como bom brasileiro, desistir de acreditar porque, vai que cola!

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

O Direito a Saúde e seguro de vida poderá ser Federal



Proposta de Emenda à Constituição que institui garantias de assistência médica e seguro de vida para policiais civis e militares, bombeiros militares e agentes penitenciários foi aprovada nesta quarta-feira (19) na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). A matéria será submetida a dois turnos de discussão e votação no Plenário do Senado.
No texto original da proposta (PEC 16/2014), seu autor, Fernando Collor (PTB-AL), tratava apenas de policiais civis e militares, mas a relatora, senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO), incluiu bombeiros militares e agentes penitenciários, em emenda acolhida pela CCJ.
Lucia Vânia concordou com os argumentos de Collor de que os riscos da atividade policial justificam a medida contida na PEC, mas argumentou que os bombeiros também atuam em segurança pública, arriscando suas vidas na defesa da população, assim como os agentes penitenciários.
O texto aprovado determina que sejam garantidos a esses profissionais assistência à saúde e seguro de vida, compatíveis com os riscos de suas atividades. Determina ainda que os custos de implementação da medida sejam assumidos pelo ente federado ao qual os profissionais estejam vinculados.
Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

CFS/2009 E OUTRAS TURMAS CLAMAM POR RESPEITO

A turma de sargentos do CBMERJ do ano de 2009, vem sofrendo com a indiferença que alguns setores da administração tem tratado a questão da promoção dos militares, que por sua vez galgaram as graduações por mérito intelectual, muito esforço e dedicação. 

Uma série de acontecimentos que resultam num enorme atraso e desrespeito as vossas antiguidades.

Acompanhem o calvário:





No boletim do dia 10/09/2014 todo o CFS/2009 foi convocado para promoção por ressarcimento de preterição, inclusive a nota da SCP exigia IMPRETERIVELMENTE até o dia 10/102014 o envio dos resultados da inspeção de saúde.




Pois bem, no boletim do dia 23/09/2014 parte do CFS/2009 foi convocado para inspeção de saúde, com última data em 08/10, tendo os demais militares revalidado seus exames numa convocação posterior em 25/09.

Neste ínterim, dois bombeiros mais modernos que todo o CFS/2009 foram promovidos à 1 Sgt por tempo de serviço no boletim do dia 29/09/2014. 




Já no boletim do dia 17/09/2014 a SCP incluiu 4 bombeiros do CFS/2009 que tinham ficado de fora, e no boletim do dia 03/10 os quatro esquecidos tiveram o calendário da inspeção de saúde publicado com a última data em 08/10. ERROS SÃO COMUNS DE ACONTECEREM, PORÉM, ESTAMOS CANSADOS COM A CONSTÂNCIA.

Fato é que até hoje (26/11) constam 23 nomes a serem publicados e a maioria do interior. Inclusive dois militares pediram baixa da Corporação e nem suas faltas da inspeção de foram publicadas. 

Diz-se que a major da CPMSO responsável pelo resultado e divulgação está de férias, ou seja, tem-se que esperar ela voltar de férias para que 339 pais de família possam comemorar um direito adquirido. 
Inclusive a quebra da hierarquia já ocorreu desde o dia 29/09, assim como o prazo apresentado pela Secretaria das comissões e promoções, além da suspeita de perda de documentos de exames pela junta, alguns estão sendo convocados para refazer os exames, outra militar descobriu que sua inspeção de saúde realizada em Campinho até semana passada ainda estava por lá... 

As tentativas de busca de resposta para entender o porque da demora, através de ligações para a CPMSO, são fracassadas, são muito mal atendidos, não deixam ninguém falar, saem cortando as pessoas, apenas informam que o prazo de espera é de 45 dias para publicação. 

Uma conta rápida, levando em consideração a data mais longa, dia 08/10, o prazo findou no dia 22/11 e agora o que dizem? Não cumprem o que falam. 

São 339 militares esperando pelo resultado de 23 militares e que a CPMSO não publica. Só com todos os resultados é que a SCP pretende despachar a nossa nota de promoção, inclusive nota esta pronta e aguardando à Junta de Saúde cumprir um calendário em que as datas não foram respeitadas.


SOS BOMBEIROS: Sinceramente não dá pra compreender as razões para tanto tumulto e atraso, hoje uma das maiores queixas entre os militares são esses atrasos em suas promoções.

Não entenderam vos que reduzir o interstício era a melhor solução para a vida dos bombeiros? então, porque agora dificultam tanto suas promoções? tem sempre que ser sofrido, ninguém está pedindo nada além do que está previsto.

Que ao menos quando publicarem que seja retroativo e paguem pelo meses em atraso.

COMANDANTES, MAIS RESPEITO COM OS BOMBEIROS!!!

terça-feira, 25 de novembro de 2014

PAULO MELO - PMDB/RIO (PRES. ALERJ) NA MIRA DA PROCURADORIA REGIONAL ELEITORAL

Depois de Pezão, agora é a vez do presidente da ALERJ Paulo Melo responder à procuradoria regional eleitoral sobre suas práticas indecorosas para angariar votos durante a campanha. 

O vento sopra forte pro lado do PMDB do Rio.



POSSÍVEIS MUDANÇAS NA APOSENTADORIA POR INVALIDEZ DO SERVIDOR PÚBLICO


Está prevista para ser votado, hoje (25), no plenário da Câmara dos Deputados, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 170/2012, que concede aposentadoria integral por invalidez ao servidor público, independentemente do motivo dessa invalidez. A correção das aposentadorias não será retroativa, mas o servidor já aposentado poderá pedir o reajuste de seu benefício a partir da publicação da futura emenda constitucional. O objetivo é permitir que o funcionário que ficar incapacitado — sem importar se o acidente aconteceu no ambiente de trabalho ou não — tenha direito à aposentadoria integral.

Atualmente, a Constituição prevê a aposentadoria por invalidez com proventos integrais apenas nos casos de acidente em serviço, moléstia profissional ou doença grave prevista em lei (hanseníase, paralisia irreversível e mal de Parkinson).

Para Sérgio Ronaldo da Silva, secretário-geral da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), a aprovação da PEC seria a solução definitiva para os problemas dos servidores que, ao se aposentarem por invalidez, perdem muito de seu poder de compra. Ele lembrou que, pela regra atual, a aposentadoria é calculada com base no tempo de serviço do funcionário. Ou seja, se ele fica inválido com poucos anos de trabalho, sofre uma grande redução de ganhos.

Na avaliação dele, pagar o benefício integral para quem se aposenta por invalidez é uma questão de justiça:

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

PEDIDO DE SOCORRO DE UM POLICIAL MILITAR

Recebemos este desabafo de um policial militar que sofre com a realidade da polícia do Rio de Janeiro, e que é maquiada pelo jogo teatral encenado pelo governo, secretário de segurança e todo seu staff. 

Leiam:



"Precisamos de uma ajuda para toda a categoria POLICIAL MILITAR pois estamos sofrendo com cobranças absurdas ex: trabalhar 12 horas em pé, e com apenas 1 hora de descanso, se a supervisão passar e for pego sentado será passivo de punição, sendo q o CAVALO da polícia q é um animal super forte só pode trabalhar apenas 6 horas e o cachorro apenas 4 horas, aí eu te pergunto: 

O militar q trabalha em uma guarda de quartel só pode ficar 2 horas em pé e tem de direito 4 horas de descanso, qual a diferença entre eles e nós q somos da tropa, essa q quando vc passa e vê em pé fora de qualquer viatura em qualquer lugar ou em qualquer UPP ..

Outra queixa:

Como é q querem cobrar uma atenciosa polícia, se tratam todos nós com o maior descaso já foi comprovado q após 6 horas de trabalho seu rendimento ñ é mais o mesmo ainda mais cobrar q o polícia fique a madrugada inteira dentro de uma favela ou rodando por essa cidade imensa q é o Rio de Janeiro tem q lembrar q por traz de um POLICIA existe um pai, avo, tio, irmão ou filho, aí vc sai de casa 4 da manhã pra estar pronto no MORRO ou BATALHÃO às 6 da manhã e só pode sair de lá após às 18:00. Até a chegada em casa o polícia ñ vive, no outro dia é esse mesmo itinerário só q de 18:00h da tarde até 6:00h da manhã eles devem achar q o polícia é de aço, pois ñ sentir sono ou exaustão com essa escala apertada, salário mau remunerado condições de trabalho horríveis e com apenas 1 sábado e domingo no mês em casa para descanso com a família. 

Você acha q a tropa esta disposta a fazer muita coisas? 

Com essas condições, colegas morrendo nas UPPS nas suas folgas existem colegas q demoram até 2 anos para comprar sua arma, coisa essa q na polícia CIVIL ñ existe. Lá eles ganham assim q tomam posse no cargo isso é o mínimo para q o policial tem q ter, o direito de tentar se defender.

O POLICAL MILITAR ao contrário do POLICIAL CIVIL está sem comparação mais exposto, precisamos de ajuda e de toda a emprensa para elaborar uma matéria bem conclusiva com matérias concretas, e bem divulgadas, para ver se só assim muda esse comandante GERAL omisso, para uma escala de trabalho decente, um salário digno para o policial sentir mais valorizado e ñ sermos apenas massa de manobra, precisamos de um deputado, governador ou presidente alguém q faça a diferença o salario da CIVIL teve um aumento considerável, revejam isso. 

Sou policial, tenho 30 anos, moro de aluguel e pago empréstimo pois tinha q comprar um carro para trabalhar pois o q ñ dá é andar de ônibus nesses horários com farda na bolsa e desarmados, pois se eu for reconhecido já sabe ! Ainda mais q todo policial é obrigado a andar com a identidade funcional, precisamos de AJUDAAA ..

O RAS e o PROEIS são convênios q o policial militar tem para trabalhar em suas folgas pra complementar o salário no fim do mês. Salário esse muito defasado, sendo q o RAS (regime adicional de serviço) é um serviço de 8 horas q teríamos q receber R$150,00 mas com o desconto recebemos R$120,00. O pessoal q trabalha no SEAP (agente penitenciário) regidos pelo mesmo governador recebem R$300,00.

O policial civil R$200,00

Eu te pergunto pq?

Sendo qualquer ocorrência entre essas instituições os primeiros a serem chamados somos nós, POLICIAIS MILITARES, q está na famosa ponta da lança. 

Nosso aux. Transporte está defasado. R$100,00 há aproximadamente 3 anos, te pergunto a inflação esta congelada? Pois nosso Auxílio está. Fora outros.... ainda como se ñ bastasse Policiais de UPP escala 12x24 / 12x48, VEM sendo obrigado a trabalhar na primeira folga a noite. 

Isso tá uma vergonha onde está a palavra do nosso GOVERNADOR PEZÃO em remunerar bem o POLICIAL MILITAR"


SOS BOMBEIROS: Caros policiais militares, somos totalmente solidários a tudo que você têm vivido, porém, o socorro, a ajuda, a libertação, a dignidade, está na união dos senhores.
Não esta na imprensa comprada, nos governos corruptos, nos comandantes pau mandados, está no agrupamento de cada um de vocês. Enquanto a PMERJ, o CBMERJ, PCERJ, ou seja, a segurança pública não se conscientizar de que somente juntos somos fortes, o chicote continuará a cantar o mesmo canto que canta desde o nascimento destas centenárias corporações.

SOMENTE JUNTOS SOMOS FORTES!!!

STF E SUAS CONTRIBUIÇÕES QUE FACILITAM A CORRUPÇÃO NAS ESTATAIS

Supremo leva até 20 anos para decidir

Ação parada há 9 anos dificultaria corrupção na Petrobras



Rio - Ao menos duas ações que correm no Supremo Tribunal Federal (STF) há anos poderiam servir para dificultar o esquema de corrupção que tira dinheiro da Petrobras, irriga partidos políticos e enriquece corruptos — o cerne das investigações feitas na Operação Lava Jato.

Uma delas, na qual se discute se empresas podem doar dinheiro a campanhas eleitorais, está há 3 anos e 3 meses aguardando decisão. A outra espera há 9 anos posição da Corte sobre se a Petrobras pode contratar fora da Lei de Licitações.

Não são as únicas, porém.Levantamento da Escola de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FGV) do Rio sobre o trabalho do STF entre 1988 e 2013 constata o que o senso comum desconfia: a Justiça é lenta e a mais alta corte não foge à regra.

No extremo, o estudo cita a ação sobre a responsabilidade do Estado de São Paulo quanto ao Parque São Sebastião, no litoral paulista. Foram 24 anos e 4 meses de tramitação. Pelo menos dez processos passaram mais de duas décadas nas mãos dos ministros do Supremo.

Mesmo ações urgentes, como o habeas corpus, que serve para reverter prisões arbitrárias e que deveria levar no máximo 24 horas, demora, em média, oito meses para transitar em julgado. Mandados de segurança, igualmente urgentes, saem, no STF, em média em um ano e 7 meses, constata o estudo.

Para o professor Ivar Hartmann, um dos responsáveis pelo levantamento, a quantidade de processos está em “total desproporção” com a função constitucional da Corte. Ainda assim, diz ele, parte dos ministros consegue administrar o tempo dentro dos prazos regimentais.

Os pesquisadores da FGV afirmam no estudo que o relator tem responsabilidade pelo “adequado andamento do processo, podendo exigir rapidez”. Na atual composição, porém, Gilmar Mendes é o que mais tempo leva para ter um processo concluído (3 anos), seguido de Marco Aurélio Mello (1 ano e 10 meses). Dos aposentados entre 2003 a 2013, Cezar Peluso, Ellen Gracie e Joaquim Barbosa, como relatores, são os campeões, na média, da lentidão. Gastavam de três a sete anos para decidir.

Vista’ para segurar trâmite

Um dos motivos da lentidão está em um ministro pedir ‘vista’, ou seja, interromper o julgamento para analisar melhor. O problema, explica Hartmann, é que “há indícios de que os pedidos são usados para suspender indefinidamente”. Ou porque há “a crença de que o processo não deve ser julgado” ou porque se entende que “a composição irá produzir resultado diferente do que ele acredita ser o correto”. Só 22% dos pedidos de vistas foram devolvidos no prazo.


SOS BOMBEIROS: Fato é que a maior corte de nosso país também é a corte mais politizada e que mais sofre influência dos partidos políticos e do governo federal.

Foi de clareza solar a protelação e posterior acobertamento de alguns dos excelentíssimos togados no recente caso do mensalão. Essa característica é tão forte que no atual momento as empreiteiras pegas pela operação lava jato, através de seus advogados, fazem um grande esforço a fim de levar toda condução do processo para o STF, retirando das mãos da justiça federal, mais especificamente do Juiz Federal de Curitiba; porque será???

Percebem como tudo passa por uma boa escolha do voto? o presidente do nosso país indica os integrantes da mais alta corte, os que tem a última palavra. 

sábado, 22 de novembro de 2014

BOMBEIROS DO RIO DE JANEIRO LEVAM PRÊMIO INTERNACIONAL

Bombeiros do Rio de Janeiro vencem prêmio internacional

Militares do quartel do Méier conquistaram um troféu pelo resgate às vítimas na tragédia da Linha Amarela


Bombeiros do Rio atingiu a primeira colocação no concurso internacional 'Conrad Dietrich Magirus Award'

Rio - O Corpo de Bombeiros do Rio atingiu a primeira colocação no concurso internacional 'Conrad Dietrich Magirus Award'. A cerimônia de indicação do vencedor e entrega do troféu aconteceu nesta sexta-feira, na cidade de em Ulm, na Alemanha. Os militares receberam a indicação do prêmio pelo resgate que realizaram na tragédia da Linha Amarela, em janeiro deste ano.

Após quase um mês de votação eletrônica, o concurso avaliou dez operações de bombeiros em todo o mundo e patrocinou a viagem dos três mais votados para a solenidade de premiação, dentre eles os bombeiros do Méier. Todos os militares que viajaram atuaram na ocorrência que lhes rendeu a indicação.



Vencemos! Esse prêmio pertence aos bombeiros do Méier e a todos os bombeiros que atuaram na ocorrência da tragédia da Linha Amarela. A equipe ficou muito emocionada em receber tão grande reconhecimento de bombeiros de diversos países", comemorou o comandante do grupamento do Méier, coronel Demétrio Saldanha.

Entre os demais eventos indicados ao prêmio estiveram um incêndio de grandes proporções em Marseille, na França, causado por uma ruptura de duto de gás que alimentava as chamas a uma altura de 30 metros; e o incêndio florestal de grandes proporções - um dos maiores da história da Áustria - que atingiu a cidade de Absam.

"Essa notícia me encheu de orgulho. Eu estive comandando diretamente a operação de resposta à tragédia da Linha Amarela e sei do empenho, garra e coragem que cada um dos bombeiros demonstrou naquele dia. Ser reconhecido em ambiente internacional, concorrendo contra corporações tão valorosas, é algo muito especial.", vibrou o secretário de Estado de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro, coronel Sérgio Simões.

"Eu estendo essa premiação a todos os bombeiros que diariamente arriscam suas vidas para salvar o próximo. Parabéns a todos vocês!", disse o secretário, que acompanhou a premiação pela transmissão em tempo real do site do evento.


SOS BOMBEIROS: Parabenizamos aos bravos do Méier, de Ramos e demais guarnições que atuaram diretamente nesta ocorrência na linha amarela. Foi realmente um salvamento especial, local de difícil acesso, muitas vítimas, via com grande movimento e num horário de pico.

Graças a Deus tudo deu certo; deu tão certo que mesmo sem pensar na possibilidade, os bombeiros receberam um reconhecimento internacional.

Sentimo-nos muito orgulhos por cada um dos homenageados, parabéns a todos que se doaram para o sucesso do socorro.


BOMBEIROS COMBATEM INCÊNDIO EM DEPÓSITO DO DETRAN

Incêndio que atingiu depósito do Detran em Caxias é controlado





Rio - Equipes de Bombeiros dos quarteis de Irajá, Campos Elísios e Caxias, foram acionados na tarde desta sexta-feira (21) para combater um incêndio em um depósito do Detran, Em Santa Cruz da Serra, na Baixada Fluminense. De acordo com os Bombeiros, o incêndio ocorreu na altura da Rodovia Washington Luiz, em Duque de Caxias. O depósito seria usado para guardar carros antigos. Ainda não há informações sobre feridos.

O Detran informou que já foi controlado o incêndio que atingiu o depósito de veículos. Segundo o mesmo a origem do fogo ainda é desconhecida mas a Polícia Civil e os bombeiros já foram oficiados para que seja realizada uma perícia no local.

Em nota, o Detran frisa ainda que “a maioria dos veículos atingidos pelas chamas eram irrecuperáveis (sucatas), estavam no pátio há pelo menos sete anos e seriam prensados no início de 2015”.
Fonte: http://extra.globo.com/noticias/rio/incendio-que-atingiu-deposito-do-detran-em-caxias-controlado-14629176.html
http://odia.ig.com.br/odia24horas/2014-11-21/incendio-atinge-deposito-de-veiculos-do-detran-na-baixada-fluminense.html


SOS BOMBEIROS: Mais uma missão cumprida pelos bravos de Irajá, Campos Elísios e Caxias. 

Parabéns a todas as equipes!

MAIS UMA FORTE EMOÇÃO NO MANDATO DE PEZÃO

MP Eleitoral dá parecer favorável à cassação do registro de Pezão

Se for condenado, peemedebista seria impedido de assumir em 2015. Ação foi proposta por Lindbergh Farias


Pezão recebendo moradores de São Gonçalo em Gabinete Itinerante

RIO - A Procuradoria Regional Eleitoral deu parecer favorável à cassação do registro do governador reeleito do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB), por conta do uso do programa Gabinete Itinerante, no qual ele percorria os municípios com secretários sob o argumento de ouvir as demandas da população. Se a posição do Ministério Publico Eleitoral for adotada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ), em julgamento que pode acontecer na próxima segunda-feira, Pezão não poderia assumir o governo no próximo ano e ainda ficaria inelegível por oito anos, por conta da Lei da Ficha Limpa. O GLOBO mostrou este mês que Pezão era o governador eleito com o maior número de ações por abuso de poder: 13, no total.

Na ação, os advogados de Lindbergh argumentam que Pezão “criou o Gabinete Itinerante, em ano eleitoral, sem previsão orçamentária, com a finalidade de promover pessoalmente a imagem de governador no cenário político-eleitoral, sob o argumento de que o referido programa teria como objetivo ouvir as reivindicações da população”. A defesa de Pezão argumentou na ação que o Gabinete Itinerante deixou de funcionar no dia 16 de junho e que ele não se confunde com programa ou projeto social de distribuição de bens e serviços.

A pedido da coligação do petista, o TRE-RJ determinou durante o período eleitoral que Pezão entregasse cópia dos formulários preenchidos pelas pessoas atendidas no programa. Para evitar a busca e apreensão, a campanha do governador entregou os documentos.

No parecer obtido pelo GLOBO, o procurador regional eleitoral auxiliar Maurício da Rocha Ribeiro lembra que o Gabinete Itinerante não foi instituído por lei autorizativa. O procurador afirma: “não merece prosperar a alegação dos investigados de que não houve conduta vedada em razão de não ter atuado o Gabinete Itinerante em período eleitoral. Tal fato se torna irrelevante em face da gravidade dos atos praticados pelos investigados, bem como da ampla divulgação antecipada da candidatura de Luiz Fernando de Souza (Pezão)”.

Ribeiro salienta ainda que, além da configuração de conduta vedada, Pezão “se utilizou da máquina administrativa para promover sua candidatura, o que caracterizou abuso de poder político”.

“A atitude do candidato a governador foi eminentemente eleitoreira, a despeito do alegado caráter precipuamente de ouvidoria. Serviços básicos como asfaltamento de ruas, cadastramento de bilhete único, confecção de carteira de identidade, atendimento da Defensoria Pública, dentre outros, foram disponibilizados aos eleitores mais carentes com o objetivo claro de incutir-lhes a ideia de que o então governador seria melhor candidato para dar continuidade às melhorias de serviços”, diz o procurador ao dar o parecer contra Pezão.

Procurada, a assessoria de Pezão disse que "o gabinete itinerante nada mais é que a descentralização da administração, inexistindo conteúdo eleitoral e não tendo ocorrido no período eleitoral".
Fonte: http://oglobo.globo.com/brasil/mp-eleitoral-da-parecer-favoravel-cassacao-do-registro-de-pezao-14626941


SOS BOMBEIROS: A verdade é que essa situação é muito difícil de vingar, mas... vai que pega, política não é ciência exata; haja vista a presidente Dilma que está tendo que se articular rapidamente em busca de apoio, a fim de ter suas contas aprovadas para poder tomar posse em janeiro/15.
Vamos acompanhar!!!

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

REDUÇÃO DA CARGA HORÁRIA DE TRABALHO PARA MILITARES QUE TÊM FILHOS COM NECESSIDADES ESPECIAIS

Atendendo a pedido do vereador Marcio Garcia, que encaminhou a solicitação de um grupo de bombeiros, os quais solicitaram o projeto abaixo citado, o Deputado Estadual Geraldo Pudim, apresentou tal projeto.




PROJETO DE LEI Nº 2747/2014
      EMENTA:
      DISPÕE SOBRE A REDUÇÃO DA CARGA HORÁRIA DE TRABALHO DE SERVIDOR ESTADUAL CIVIL E MILITAR, NAS CONDIÇÕES QUE MENCIONA.
Autor(es): Deputado GERALDO PUDIM


A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
RESOLVE:
    Art. 1º - Ao servidor público civil, de regime estatutário, da Administração Direta e Autárquica, e aos militares estaduais fica assegurado o direito a redução, em cinquenta por cento, da carga horária de trabalho, enquanto responsável legal por pessoa portadora de necessidades especiais, que requeira atenção permanente. 
    Art. 2º - A responsabilidade legal do servidor por outra pessoa decorre do parentesco, da adoção ou de outras modalidades de relacionamento previstas na legislação.
    Art. 3º - Necessidades especiais, que requeiram atenção permanente para os fins deste decreto, são situações de deficiências físicas ou mentais, nas quais a presença do servidor seja fundamental na complementação do processo terapêutico ou na promoção de uma maior integração do paciente na sociedade.
    Art. 4º - A caracterização da necessidade especial que requeira atenção permanente dependerá de verificação mediante expedição de laudo técnico.
    Art. 5º - Os laudos técnicos serão expedidos ou homologados por órgãos ou entidades do Estado para esse fim designados, na forma do art. 9º.
    Art. 6º - Compete aos Secretários de Estado ou de titulares, de órgãos de igual nível expedir os atos de redução da carga horária dos servidores sob seu comando.
    Art. 7º O ato de redução da carga horária deverá ser renovado periodicamente, não podendo sua validade se estender por mais de 90 (noventa) dias, nos casos de necessidades eventuais, e por mais de 1 (um) ano, nos casos de necessidades duradouras.
    Art. 8º - A redução da carga horária cessará quando findo o motivo que a tenha determinado.
    Art. 9º – Esta lei entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário

    Plenário Barbosa Lima Sobrinho, 06 de fevereiro de 2014.
    Deputado Geraldo Pudim

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

20 NOVEMBRO, DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

O Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro, foi instituído oficialmente pela lei nº 12.519, de 10 de novembro de 2011. A data faz referência à morte de Zumbi, o então líder do Quilombo dos Palmares – situado entre os estados de Alagoas e Pernambuco, na região Nordeste do Brasil. Zumbi foi morto em 1695, na referida data, por bandeirantes liderados por Domingos Jorge Velho. Maiores informações podem ser consultadas no texto História do Quilombo de Palmares.


Monumento a Zumbi dos Paçmares em Salvador, Bahia

A data de sua morte, descoberta por historiadores no início da década de 1970, motivou membros do Movimento Negro Unificado contra a Discriminação Racial, em um congresso realizado em 1978, no contexto da Ditadura Militar Brasileira, a elegerem a figura de Zumbi como um símbolo da luta e resistência dos negros escravizados no Brasil, bem como da luta por direitos que seus descendentes reivindicam.

Com a redemocratização do Brasil e a promulgação da Constituição de 1988, vários segmentos da sociedade, inclusive os movimentos sociais, como o Movimento Negro, obtiveram maior espaço no âmbito das discussões e decisões políticas. A lei de preconceito de raça ou cor (nº 7.716, de 5 de janeiro de 1989) e leis como a de cotas raciais, no âmbito da educação superior, e, especificamente na área da educação básica, a lei nº 10.639, de 9 de janeiro de 2003, que instituiu a obrigatoriedade do ensino de História e Cultura Afro-brasileira, são exemplos de legislações que preveem certa reparação aos danos sofridos pela população negra na história do Brasil.

A figura de Zumbi dos Palmares é especialmente reivindicada pelo movimento negro como símbolo de todas essas conquistas, tanto que a lei que instituiu o dia da Consciência Negra foi também fruto dessa reivindicação. O nome de Zumbi, inclusive, é sugerido nas Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação das Relações Étnico-Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro-Brasileira e Africana como personalidade a ser abordada nas aulas de ensino básico como exemplo da luta dos negros no Brasil. Essa sugestão orienta-se por uma das determinações da lei Nº 10.639, que diz no Art. 26-A, parágrafo 1º: “O conteúdo programático a que se refere o caput deste artigo incluirá o estudo da História da África e dos Africanos, a luta dos negros no Brasil, a cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional, resgatando a contribuição do povo negro nas áreas social, econômica e política pertinentes à História do Brasil.”


SOS BOMBEIROS: Esses são os fatos históricos que fundamentam a criação desta data, que marca décadas de luta pelos homens de pele negra em busca da dignidade humana, respeito e contra o racismo; Todavia, não podemos parar de evoluir, buscar posições cada vez mais altruístas e elevadas; nos parecendo que os passos a serem dados agora é na direção expressada, através das simples palavras, de um homem de nossa época, o ator Morgan Freeman.



PENSEM NISSO! 
E UM FERIADO A TODOS.