segunda-feira, 27 de julho de 2015

Explosão do posto 4, em Copacabana, deixa dois bombeiros (guarda vidas) feridos

Nesse domingo, dois bombeiros (guarda vidas) que estavam de serviço no posto 4, na orla de Copacabana, ficaram feridos após uma explosão no posto de salvamento. Imediatamente após o acidente, a noticia já estava estampada nas páginas de alguns jornais on-line da nossa cidade.


http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2015-07-26/explosao-no-posto-4-em-copacabana-deixa-dois-salva-vidas-feridos.html

http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2015/07/explosao-fere-dois-guarda-vidas-em-posto-na-praia-de-copacabana.html


Ainda não temos uma versão oficial a respeito das causas desse acidente. Enquanto o laudo pericial não é concluído, algumas possibilidades são levantadas como causa da explosão como: curto-circuito; excesso de solvente no posto; vazamento de uma botija de gás ou a mais provável, um mau funcionamento no suspiro da fossa (esgoto) dos postos que deveria conduzir o acúmulo de gás metano no subsolo até o alto da torre de salvamento.

Mesmo sem poder afirmar categoricamente a origem do incidente, um fato é fácil de constatar: A EMPRESA ORLA RIO NÃO ESTÁ CUMPRINDO O CONTRATO DE CONCESSÃO COM A PREFEITURA DO RIO DE JANEIRO. No contrato existe uma cláusula que OBRIGA a CONCESSIONÁRIA a fazer manutenção em TODOS os postos de salvamentos.

Pasmem, mas o prazo já foi prorrogado por duas vezes e até a presente data NENHUMA MANUTENÇÃO foi realizada nas torres de salvamento. Ou seja, uma hora teríamos algum acidente GRAVE envolvendo nossos militares.

Esse descaso já foi denunciado em algumas oportunidades nesse canal de informações. Abaixo tem o link da postagem mais recente que enumeram as ações tomadas visando resolver o descaso e apontam as condições precárias dos postos de salvamento devido a falta de manutenção.


Assistam também um pronunciamento do vereador bombeiro Marcio Garcia no plenário da câmara municipal cobrando uma atitude, frente a inércia da empresa em fazer a manutenção dos postos prevista em contrato.




SOS BOMBEIROS: Pedimos a DEUS pela pronta recuperação de nossos heróis. As notícias dão conta que o cabo Mello teve apenas queimaduras nas pernas, sendo medicado e liberado após atendimento médico. 

O caso mais grave ocorreu com o sargento correia que teve aproximadamente 50% do corpo queimado e está internado em observação, seu caso inspira cuidados. Pedimos a oração de todos no intuito da recuperação imediata dos nossos guerreiros. 

Um comentário:

  1. Cada absurdo que acontece,não da pra entender.Alguém tem que ser responsabilizado.

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.