quarta-feira, 2 de setembro de 2015

MPRJ QUER SAMU NO EIXO


O Ministério Público (MPRJ) ajuizou junto à Vara de Fazenda Pública uma ação civil pública, com pedido de tutela antecipada, contra o Estado do Rio de Janeiro com o objetivo de regularizar o atendimento pré-hospitalar móvel de urgência (Samu 192). De acordo com a 1ª promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Saúde, a ação decorre de inadequada prestação do serviço.

Um dos principais problemas identificados é a ausência de mecanismos de controle, avaliação e monitoramento das atividades, seja pela Secretaria de Estado de Saúde, à qual o serviço deveria estar vinculado, ou pela Secretaria de Estado de Defesa Civil (Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro), órgão atualmente responsável pela execução do serviço.

Também foram verificados problemas na estrutura, no funcionamento e no gerenciamento do Samu-RJ pelos Bombeiros, entre os quais se destacam: a inadequada gestão da frota de ambulâncias; a regulação fragmentada, deficiente e com práticas incompatíveis com as normas técnicas existentes; e a ausência de política adequada de recursos humanos, caracterizada pela carência de profissionais, falta de capacitação, entre outros.

A ação descreve que as provas documentais demonstram não existir um serviço de atendimento móvel de urgência adequadamente estruturado e articulado com a Rede de Urgência e Emergência, de forma a poder prestar os serviços de maneira organizada e eficiente, e em conformidade com a necessidade do quadro clínico do paciente e em unidade de saúde com perfil adequado ao tratamento.

Na ação, os promotores ressaltam que procurar o Samu é “apostar numa loteria, na qual as chances de ganhar são determinadas pela gravidade da situação”. Eles explicam que as inúmeras deficiências impedem que a integralidade das chamadas  seja atendida ou que as pessoas sejam assistidas em tempo adequado, o que põe em risco a vida dos usuários do serviço. “É aceitável conviver com o risco de se ver acometido, subitamente, por algum problema de saúde, ou mesmo ser vítima de um acidente. O que não é tolerável é saber que, na ocorrência de tais situações, estar-se-á fadado à própria sorte de ser ou não atendido pelo Samu, serviço regular e devidamente financiado pelo Fundo Nacional de Saúde, que, entretanto, é prestado de forma deficiente”, destaca trecho da ação.

O MPRJ requer à Justiça a determinação para que o Estado regularize o comando da gestão do serviço, apresentando um modelo de gestão aos órgãos de controle e um documento de pactuação com as funções definidas de atuação conjunta entre os órgãos; monitore de forma constante a prestação do serviço em conformidade com os padrões técnicos e instrumentais estabelecidos, além de avaliar os resultados; divulgue os dados de monitoramento do serviço e atualize os sistemas oficiais do SUS; cumpra as normas e fluxos de regulação estabelecidos nas portarias ministeriais e detalhados na ACP; realize um inventário patrimonial e aloque imediatamente recursos humanos e não nomeie cargos em comissão ou funções de confiança para o exercício de funções no Samu. Também foi requerida a adequação da previsão orçamentária para o cumprimento dos deveres e a comprovação das ações junto aos conselhos de saúde do Estado e do Município do Rio.

Em caso de não cumprimento dos prazos e providências da sentença, a ação requer a aplicação de multa, além do bloqueio judicial dos recursos orçamentários previstos em rubricas como publicidade, propaganda e comunicação social, além daqueles destinados a outros serviços não essenciais do Estado do Rio de Janeiro.


SOS BOMBEIROS: "foram verificados problemas na estrutura, no funcionamento e no gerenciamento do Samu-RJ pelos Bombeiros, entre os quais se destacam: a inadequada gestão da frota de ambulâncias; a regulação fragmentada, deficiente e com práticas incompatíveis com as normas técnicas existentes; e a ausência de política adequada de recursos humanos, caracterizada pela carência de profissionais, falta de capacitação, entre outros." 

Ou seja, esse é o gancho que o comando precisava para entregar de vez o serviço. Mas pelo contrário, estão deslocando médicos entre as ambulâncias para tentar justificar a exigência federal e garantir o mesmo valor de investimento. 

E nisso tudo quem sangra são os profissionais que atuam sem a estrutura adequada para o trabalho, perdendo sua saúde a cada dia de serviço; e que com certeza não serão recompensados pelo CBMERJ/ESTADO.

28 comentários:

  1. Estão pegando médicos da ambulância do CBMERJ e colocando-os na SAMU para q o serviço da SAMU seja feito por um médico, ou seja, mentirosos e maquedores enganando o MP. Isso é no mínimo desvio de função uma vez q a mudança foi feita sem alteração na escala de serviço.
    Dia 29/8, aconteceu isso!

    ResponderExcluir
  2. Peguem os apadrinhados médicos que estão na mordomia,em clinicas da família,secretaria estadual de saúde e em outros órgãos espalhados por ai.

    ResponderExcluir
  3. Esse SAMU já era para ter saido do BOMBEIRO há anossssssssssssssss
    Mais uma fonte de dinheiro para coronéis mamarem dinheiro.
    Principalmente esse Cel SUAREZ.

    ResponderExcluir
  4. Esse SAMU já era para ter saido do BOMBEIRO há anossssssssssssssss
    Mais uma fonte de dinheiro para coronéis mamarem dinheiro.
    Principalmente esse Cel SUAREZ.

    ResponderExcluir
  5. Invés de tirarem o samu do CBMERJ eles colocom nóe médicos para as ambulâncias.
    Esse Cel Suarez não presta.

    ResponderExcluir
  6. Esse Cel Suarez só sabe é xingar.
    Não sabe fazer mais nada.
    Não está nem aí para nós que estamos sangrando nas ambulâncias ...........................................

    ResponderExcluir
  7. E Cel Suárez...
    Sua hora está chegando..sei que não quer largar a teta....
    Tem que pagar o apt ...
    Mas VC vai sair....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ministério Público faça-nos um visita,Cbmerj agradece.Mais não avisem cheguem de surpresa.

      Excluir
  8. Suarez.... VC foi o pior CMT do 1°GSE .
    Vai embora...passa pra Ten Cel Ana Queiroz.

    ResponderExcluir
  9. Agora quem não tem médico é o corpo de bombeiro!
    Será q a população sabe disso?

    ResponderExcluir
  10. A LEI Nº 5175, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2007, que versa sobre o efetivo do CBMERJ, fixa o efetivo em 23.450. Para o Quadro de Saúde 3.850 Oficiais divididos em Especialidades. Para os Praças, não especifica a área de Saúde, deixando um efetivo de 18.015, dos quais 60% estão na área de saúde e apenas 40% para Combatentes. Para o quadro QOC, 1365 Oficiais Combatentes, e 216 Oficiais QOA, Capelão e QOE, com Alunos para a ESFAO a critério do CMT Geral. Hoje o efetivo só cresceu em Oficiais e encolheu por causa das Praças antigas que foram para a reserva remunerada. Como pode a nossa Corporação sobreviver com 60% do seu efetivo trabalhando para a Saúde Estadual e Municipal? Você tenta marcar consulta com especialista no hospital e não tem, mas você lê nos Boletins as promoções e só vê o quadro dos médicos e especialistas crescendo, porque não estão atendendo no nosso hospital? Eles não são Bombeiros? FORA Cel SUÁREZ .

    ResponderExcluir
  11. Visando atrelar as necessidades de todos os Bombeiros Militares com transparência,esperamos que a Diretoria da Associação SOSBOMBEIROS RJ,crie uma Fiscalização anual amparado no Estatuto,através de amparos legais,uma Auditoria Externa,quanto ao balancete anual que será representada pelos Sócios ou indicados de confiança,para que não caiam no vício de todos.Desviar verbas para suas vidas particulares.NÓS APOIAMOS,AUDITORIA EXTERNA JÁ!!!PARA QUANTO AOS BALANCETES NÃO SEJAM FRUTOS DE CORRUPÇÃO SEGUINDO DE PRAXE PARA TODA VEZ QUE VIER UMA NOVA DIRETORIA,NÃO CRIANDO ASSIM VÍCIOS HORRÍVEIS,DIRETORES USURPANDO DINHEIRO(ROUBAR,DESVIAR VERBAS QUE NÃO LHES PERTENÇA)!!JSF.

    ResponderExcluir
  12. Visando atrelar as necessidades de todos os Bombeiros Militares com transparência,esperamos que a Diretoria da Associação SOSBOMBEIROS RJ,crie uma Fiscalização anual amparado no Estatuto,através de amparos legais,uma Auditoria Externa,quanto ao balancete anual que será representada pelos Sócios ou indicados de confiança,para que não caiam no vício de todos.Desviar verbas para suas vidas particulares.NÓS APOIAMOS,AUDITORIA EXTERNA JÁ!!!PARA QUANTO AOS BALANCETES NÃO SEJAM FRUTOS DE CORRUPÇÃO SEGUINDO DE PRAXE PARA TODA VEZ QUE VIER UMA NOVA DIRETORIA,NÃO CRIANDO ASSIM VÍCIOS HORRÍVEIS,DIRETORES USURPANDO DINHEIRO(ROUBAR,DESVIAR VERBAS QUE NÃO LHES PERTENÇA)!!JSF.

    ResponderExcluir
  13. Na verdade estão fazendo que a credibilidade do Cbmerj caia,pois não tem como acionar e estar o socorro em todo o Estado do Rio de Janeiro,onde muitas das vezes,saem para atendimentos como por exemplo,dor de barriga,dor de cabeça,enquanto vemos acidentados graves sangrando em plena vias,ruas e vielas.Sobrecarga de serviço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não te esqueça que estas dores que tu referes pode ser com teu filho e aí, não contes com o GSE que não tem está finalidade. Ou coloca no teu carro ou esperas o SAMU, que tanto criticas

      Excluir
  14. AUDITORIA EXTERNA JÁ!!!COMPOSTA PELOS PRÓPRIOS ASSOCIADOS DO SOSBOMBEIROS RJ.FICA MINHA DICA A DIRETORIA,ACABANDO ASSIM QUE ATUAL E NOVAS DIRETORIAS SE ENRIQUEÇAM COM DINHEIRO ALHEIO!!!!

    ResponderExcluir
  15. AUDITORIA EXTERNA JÁ!!!COMPOSTA PELOS PRÓPRIOS ASSOCIADOS DO SOSBOMBEIROS RJ.FICA MINHA DICA A DIRETORIA,ACABANDO ASSIM QUE ATUAL E NOVAS DIRETORIAS SE ENRIQUEÇAM COM DINHEIRO ALHEIO!!!!

    ResponderExcluir
  16. AUDITORIA EXTERNA JÁ!!!COMPOSTA PELOS PRÓPRIOS ASSOCIADOS DO SOSBOMBEIROS RJ.FICA MINHA DICA A DIRETORIA,ACABANDO ASSIM QUE ATUAL E NOVAS DIRETORIAS SE ENRIQUEÇAM COM DINHEIRO ALHEIO!!!!SABENDO TAMBÉM QUE QUEM LUTA POR DIGNIDADE O EXEMPLO COMEÇA EM CASA.E OS QUE JÁ POSSAM ESTAR DE MÁ INTENÇÃO,NÃO CRIEM VÍCIOS!!!ROUBAR DINHEIRO QUE NÃO LHES PERTENÇAM,CHEGA DE CORRUPÇÃO!!!!POIS MUITOS FALAM DOS OUTROS E SÓ COPIAM!!!PARECE QUE SÓ FICAM ESPERANDO UMA OPORTUNIDADE DE ROUBAR!!!

    ResponderExcluir
  17. Está mais do que na hora de os médicos de 1986 irem embora deixado vagas para os mais modernos,oxigenação já nos quadros de saúde.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vaga para trabalhar ou apenas para colocar uma estrelinha dourada no ombro? Vai assumir responsabilidades ou vai fazer como a maioria que diz apenas que não quer assumir nada somente ganhar a estrelinha?

      Excluir
  18. Agora quem está sem médicos pra trabalhar é o Cbmerj, já que os mesmos estão no SAMU !!!

    ResponderExcluir
  19. Samu no eixo só mesmo fora do CBMERJ!
    Prestação de contas do dinheiro que é economizado em medicações, já que não medicam ninguem, só faz o serviço de taxi.

    ResponderExcluir
  20. É bom mesmo o MP investigar, vou até dar uma dica: O Cel Suarez comprou um conteiner inteiro de fitas de HGT, só o que ele não contava é que o lota estava perto da data de vencimento. Resumindo a história, as ambulancias ficaram meses sem fazer teste de glicose nos pacientes.

    ResponderExcluir
  21. Suarez com alto salario.. Recebe mais de 30 mil... Não quer largar o osso.... Só sabe xingar palavrão... A mulher dele com cargo comissionado completa a máfia no estado...

    ResponderExcluir
  22. Tem que investigar quanto q o governo federal repassa para cada bombeiro trabalhar no samu!
    Isso é desvio de função!
    Estão embolsando nosso dinheiro!

    ResponderExcluir
  23. O ideal seria o Ministério Público fazer uma varredura na DIRETORIA GERAL DE SAÚDE.
    Alou MINISTÉRIO PÚBLICO ...........................
    Existe um poço de corrupção chamado DGS da qual o maior pirata se chama CEL CANETTI.

    ResponderExcluir
  24. CEL CANETTI CADE AS PRESTAÇÕES DE CONTAS DO FUNDO DE SAÚDE?
    CEL CANETTI CADE AS PRESTAÇÕES DE CONTAS DO FUNDO DE SAÚDE?
    CEL CANETTI CADE AS PRESTAÇÕES DE CONTAS DO FUNDO DE SAÚDE?
    CEL CANETTI CADE AS PRESTAÇÕES DE CONTAS DO FUNDO DE SAÚDE?

    ResponderExcluir
  25. No Rio de Janeiro,é tudo diferente,Bombeiro na Defesa Civil,nos outros Estados Secretaria de Segurança.Samu nos outros Estados pertencem á secretaria de Saúde,no Rio de Janeiro Bombeiros é que tomam
    conta.Com isso só perdem força.

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.