segunda-feira, 28 de março de 2016

ESTADO SEM RUMO E SEM CLAREZA NAS CONTAS PÚBLICAS

Sem apoio do governo estadual, Alerj fica no fogo cruzado da crise



Os membros da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) estão no fogo cruzado que coloca frente a frente os servidores e o governo. Mesmo para quem é da base de apoio do governador Luiz Fernando Pezão, não há qualquer previsão sobre o que vai acontecer nos próximos dias com a crise econômica que afeta ao Estado, o veto ao empréstimo do banco do Brasil (BB) no valor de R$ 1 bilhão para financiar o Riopreviência e o possível retorno do pacote econômico que poderá alterar as contribuições previdenciárias dos funcionários, além de congelar vencimentos e aumentos salariais.

A maior reclamação entre os deputados, incluindo os governistas, é a falta de clareza quanto às contas públicas. Detalhes sobre o quanto entra de impostos, quais são os gastos e como eles estão sendo feitos tornam a defesa do governo ainda mais difícil.

— É surreal a incompetência da equipe econômica do Estado. Ainda desceremos mais no poço — criticou um dos integrantes da base do governo.
Essa previsão sobre o aumento da crise aponta para a forma como o governo vai trabalhar para quitar os salário de março dos servidores, prometido para cair nas contas até o dia 14 de abril. Enquanto isso, a Fazenda não explica como quitará a folha de quase R$ 2 bilhões.

Dúvidas sobre pacote do governo

Nada é certo, também, como o pacote econômico do governo voltará à Alerj. A certeza é que será dividido em cinco partes, no que se refere a previdência e gestão. Desde a retirada da proposta da Casa, pelo Executivo, no início de março, o texto passou pela revisão de um time de técnicos do Ministério Público (MP), do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) e de Tribunal de Contas do Estado (TCE), além de secretários.

Outra incógnita diz respeito à dependência do pacote em relação à reforma fiscal que tramita em Brasília. Nela, o Estado terá o perdão de partes de suas dívidas com a União, mas precisará aprovar contrapartidas. O projeto inclui a necessidade de aumento da contribuição previdenciária dos servidores (11% para 14%), congelamento de salários e benefícios, e reajustes abaixo da inflação. A tendência é que ocorra de gradualmente, em três anos.

Casa promete novas audiências para debater mudanças

Em conversas com servidores durante a semana, o deputado Edson Albertassi (PMDB), líder da base do governo na Alerj, prometeu a realização de audiências públicas para debater as alterações que o pacote vai prever medidas contra os servidores. Albertassi garantiu que, mesmo com a licença de Pezão para tratamento de um linfoma, o “governo não parou”. Hoje, porém, não há uma pessoa que responda pelo governo.
Fonte: Extra Online


SOS BOMBEIROS: Este trecho abaixo, que retiramos da reportagem, expressa exatamente o grave quadro que o Estado se encontra. Vejam que nem mesmo os deputados que defendem o governo possuem todas as informações sobre a vida financeira do governo. É uma caixinha de pandora, que parece não quererem de abram.

"É surreal a incompetência da equipe econômica do Estado. Ainda desceremos mais no poço — criticou um dos integrantes da base do governo.
Essa previsão sobre o aumento da crise aponta para a forma como o governo vai trabalhar para quitar os salário de março dos servidores, prometido para cair nas contas até o dia 14 de abril. Enquanto isso, a Fazenda não explica como quitará a folha de quase R$ 2 bilhões."

Estamos a beira de uma revolta entre os servidores estaduais.

15 comentários:

  1. O ESTADO DO RIO DE JANEIRO AINDA EXISTE?

    ResponderExcluir
  2. Com a crise financeira instalada no estado e nós servidores sem perspectiva e o cbmerj insiste em onerar o erário com idas de militares do interior ao RJ para fazer confirmação de divisa,já que o militar cumpriu o tempo d'ele na função ainda tem mais essa via crúcis a peregrinar;gastanto desnecessariamente o que poderia usar com sua família. Eu sugiro ao cbmerj quando o militar completar o ciclo pra promoção fazer os exames de saúde de praxe em policlínicas que for próxima da unidade onde estiver lotado ou como lhe convir ao interessado. E todas as outras etapas sendo feito dentro do CBA pertencente ao militar.
    Mas o cbmerj é diferente, se um praça sugerir alguma coisa sendo esta até louvável não é aceita na maioria das vezes na cúpula pois foi praça que opinou.
    Cel Alcântara e cel Robadei, pensa direitinho sobre essa situação de confirmação de divisa do militar, nós que somos do interior é muito risco na estrada,gasto alto,estresse desnecessário etc. E sem contar que estará ajudando o cbmerj a economizar...mas se pensarem diferente entenderemos que os senhores não tem comprometimento com a instituição nesse quesito. E se acaterem agradeceremos pessoalmente aos senhores. Muito obrigado!

    ResponderExcluir
  3. SEM SALÁRIO SEM TRABALHO.

    ResponderExcluir
  4. O QUE É E ONDE ESTÁ A CULPA DOS SERVIDORES ESTADUAL DO RJ PELO ESTADO ESTAR EM CRISE TRABALHAMOS COM O SUOR DO NOSSO ROSTO PARA RECEBER NOSSOS SALÁRIOS HONESTAMENTE PRINCIPALMENTE OS APOSENTADOS, RESEVAS REMUNERADAS E APOSENTADOS. NÓS SERVIDORES NÃO TEMOS CULPA ALGUMA SE ROUBARAM TODOS OS DINHEIROS NOS COFRES DO ESTADO DO RJ A PONTO DE DEIXA-LOS VAZIOS. OS GOVERNANTES TEM QUE SE VIRAR PARA PAGAR SEUS FUNCIONÁRIOS EM DIA E INTEGRAL, APANHA EMPRÉSTIMOS, PEDE EMPRESTADO A DILMA MAIS ARRUMAM UM JEITO DE PAGAREM OS FUNCIONÁRIOS DO RJ EM DIA E INTEGRAL.

    ResponderExcluir
  5. Achei mais grave ainda no texto da reportagem este comentário dos Deputados:

    " A maior reclamação entre os deputados, incluindo os governistas, é a falta de clareza quanto às contas públicas. Detalhes sobre o quanto entra de impostos, quais são os gastos e como eles estão sendo feitos tornam a defesa do governo ainda mais difícil ".

    Então que dizer que os Deputados estão assinando o atestado de incompetência,e não vem fazendo o trabalha de casa, que é fiscalizar o EXECUTIVO !
    E além disso os Deputados Estaduais são os representantes do povo nas Assembleias Legislativas, eleito para um mandato de quatro anos. Sua função principal é legislar, ou seja, fazer as leis dos estados, de acordo com o que está definido na Constituição Federal.
    E tem também os seguintes deveres como parlamentares:
    - propõe leis;
    - aprova leis;
    - institui tributos estaduais;
    - julga contas do governo estadual;
    - fiscaliza a administração no estado;
    - fixa salários do governador;
    - decide salário do vice-governador;
    - aprova os salários do deputado estadual;
    - intitui salários e organiza várias instituições, como Polícia Civil, Ministério Público e outros;
    - investiga ilícitos da administração;
    - instala CPIs;
    - recebe denúncia por crime de responsabilidade contra o governador.

    E mais ainda e especificamente, os Deputados da Comissão de Orçamento, Finanças, Tributação, Fiscalização Financeira e Controle, que é composta dos seguintes Deputados:
    Deputado Paulo Melo - PSDB - Presidente
    Deputado Noel de Carvalho - PDT - Vice-Presidente


    MEMBROS

    Deputado Henry Charles - PMDB
    Deputada Graça Matos - PDT
    Deputada Andréia Zito - PSDB
    Deputada Solange Amaral - PFL
    Deputado Hélio Luz - PT


    SUPLENTES

    Deputado Renato de Jesus - PMDB
    Deputado Ismael de Souza - PPB
    Deputado André Luiz - PMDB
    Deputado Edmilson Valentim - PC do B
    Deputado Carlos Minc - PT
    Deputado Nilton Salomão - PSB
    Deputada Alice Tamborindeguy - PSDB

    JUNTOS SOMOS FORTES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E COMO SOMOS,KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK.

      Excluir
  6. ME ENGANA QUE EU GOSTO!!!28 de março de 2016 12:14

    TODOS OS DEP DA ALERJ SABEM QUE ESSSA FALÊNCIA VEM DE GOVERNOS ANTERIORES, SABEM QUE TUDO COMEÇOU COM ISENÇÃO FISCAL DAS GRANDES EMPRESAS QUE FOI CONCEDIDA PELO GOV, E A GRANDE MAIORIA DESSES POLÍTICOS QUE OCUPAM CADEIRAS NA ALERJ FORAM REELEITOS E SABIAM E APROVARAM A ISENÇÃO NA ÉPOCA, E AGORA VEM COM PAPINHO QUE NÃO SABEM ATÉ QUE PONTO O GOV ESTÁ O GOV OMITINDO INFORMAÇÕES??? VÃO ENGANAR O CARA.... !!! , TODOS SABEM , SÓ QUE A SITUAÇÃO SE TRANSFORMOU EM UMA BOLA DE NEVE E LÓGICO QUE A PERDA DOS ROYATES DO PETRÓLEO CONTRIBUIU , MAIS A INCOMPETÊNCIA E A MÁ ADMINISTRAÇÃO E MAIS IMPORTANTE AINDA À PÉSSIMA FORMA COMO SÃO VOTADOS PS PROJETOS ENVIADOS PARA ALERJ, QUE SÓ VISAM INTERESSES PRÓPRIOS CAGAM PARA POPULAÇÃO E NOS FUNC PÚBLICOS RJ CONCURSADOS SOMOS COMPARADOS PELA POPULAÇÃO COM POLÍTICOS , NÓS FUNC PÚBLICOS RJ, NÃO ESTAMOS FUNC , NÓS SOMOS FUNC, E A NOSSA PROFISSÃO E MERECEMOS RESPEITO, ENTÃO EU REPITO: SR DEP ESTADUAIS, VCS PENSAM QUE ENGANAM MAIS QUEM?? VÃO TRABALHAR!! E VÃO ENGANAR O CARA...!!!

    ResponderExcluir
  7. Desculpe pelo erro, publiquei a relação da Comissão de Orçamento errada, segue a lista corrigida dos Deputados:

    PEDRO FERNANDES PSD - Presidente
    EDSON ALBERTASSI PMDB - Vice-Presidente

    MEMBROS

    ANDRÉ LAZARONI PMDB andrelazaroni@alerj.rj.gov
    CARLOS MINC PT carlosminc@alerj.rj.gov.br
    COMTE BITTENCOURT PPS comtebittencourt@alerj.rj
    LUIZ PAULO PSDB luizpaulo@alerj.rj.gov.br
    WAGUINHO PMDB waguinho@alerj.rj.gov.br

    SUPLENTES
    1º ROGÉRIO LISBOA PR rogerio lisboa@alerj.rj.gov.br
    2º DICA PMDB dica@alerj.rj.gov.br
    3º TIAGO MOHAMED PMDB tiagomohamed@alerj.rj.gov.br
    4º ROSENVERG REIS PMDB rosenvergreis@alerj.rj.gov.br
    5º WANDERSON NOGUEIRA PSB wanderson nogueira@alerj.rj.gov.br
    6º LUIZ MARTINS PDT danieleguerreiro@alerj.rj.gov.br
    7º DANIELE GUERREIRO PMDB danieleguerreiro@alerj.rj.gov.br

    JUNTOS SOMOS FORTES.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ELEIÇÕES MUNICIPAIS: VAMOS ELEGER O MAIOR NUMERO DE MILITARES DAS FFAA E PM/BM EM TODOS OS MUNICIPIOS(PREFEITOS E VEREADORES) DO PAÍS!!!
      VAMOS RECONSTRUIR O NOSSO BRASIL COM PESSOAS REALMENTE COMPROMETIDAS COM A NOSSA PÁTRIA!!!
      DEPOIS PARTIREMOS PARA AS OUTRAS ELEICÕES(PRESIDENTE,SENADORES,DEPUTADOS FEDERAIS e ESTADUAIS). VAMOS,ACORDEM FAMILIA MILITAR, BRASIL ACIMA DE TUDO!!!

      Excluir
  8. O último a sair apague a luz.

    ResponderExcluir
  9. O direito básico do trabalhador em receber o seu salário está ameaçado. Não entendo a pacividade que estamos tendo com o sistema. Não consigo entender o porquê que o pai/mãe de família está amedrontado já que sua qualidade de vida está ameaçada no Estado da Olimpíada. Não vejo como de todo errado o Estado que busca resolver suas pendências e desprioriza o servidor, mas o servidor, como dependente do direito de receber pelo seu trabalho serviu não luta e nem guerreia.

    Aguardamos resoluções altruístas de quem nunca nos valorizou.

    Já está na hora de parar, não como corpo, mas como Mãe, esposa, pai, marido.

    Vergonha sinto de minha postura de ovelha.

    ResponderExcluir
  10. O direito básico do trabalhador em receber o seu salário está ameaçado. Não entendo a pacividade que estamos tendo com o sistema. Não consigo entender o porquê que o pai/mãe de família está amedrontado já que sua qualidade de vida está ameaçada no Estado da Olimpíada. Não vejo como de todo errado o Estado que busca resolver suas pendências e desprioriza o servidor, mas o servidor, como dependente do direito de receber pelo seu trabalho serviu não luta e nem guerreia.

    Aguardamos resoluções altruístas de quem nunca nos valorizou.

    Já está na hora de parar, não como corpo, mas como Mãe, esposa, pai, marido.

    Vergonha sinto de minha postura de ovelha.

    ResponderExcluir
  11. http://blogs.oglobo.globo.com/gente-boa/post/esta-feia-coisa-salario-de-funcionarios-publicos-do-rio-sera-parcelado.html#comments

    ResponderExcluir
  12. Estado falido e cbmerj quase em colapso.....comando fraco e incompetente....tinhamos que ter um secretario como o beltrame...e nao um frouxo...na cadeira..

    ResponderExcluir
  13. AO COMENTÁRIO DO SR BRUNO COUTINHO, NÃO SE TRATA DE SER OVELHA, NÓS QUE PARTICIPAMOS DO PROTESTO DO QG CENTRAL, FOMOS VISTOS COMO LOBO MAU NUMCA FOMOS OMISSOS NEM PASSIVOS( OVELHA) , FOMOS QUASE EXPULSOS DA CORPORAÇÃO , E A CADA MANIFESTAÇÃO A RESPOSTA DO GOV É A SITUAÇÃO PIORAR A PONTO DE NÃO HAVER PERSPECTIVA DE SALÁRIO PARA ABRIL, PORTANTO GENTE BOA: MINHA CARA NÃO PONHO MAIS, O NOME DE QUEM ESTEVE NAQUELE EPISÓDIO DA HISTÓRIA DO CBMERJ ESTÁ COM UMA CAVEIRA GRAVADA DO LADO, É A HORA DAS OVELHAS QUE NÃO SAIRAM DA CASINHA BOTAR A CARINHA, PARA MIM JÁ DEU

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.