segunda-feira, 19 de junho de 2017

GOVERNO SE VINGA DE QUEM LUTA POR JUSTIÇA

Bombeiro é preso por 30 dias por exigir cumprimento de lei. 


Em 2016, militares do corpo de saúde dos Bombeiros realizaram um ato em frente ao Palácio Guanabara pedindo a edição de um Decreto que regulamentasse os interstícios alterados pela lei 7.121/15, que a duras lutas aprovaram junto a Alerj.

Além de não cumprimento da Lei, o Governador Luiz Fernando Pezão, mandou punir os envolvidos no ato. A primeira punição foi publicada no boletim do dia 12 desse mês, para início no dia 14. Infringindo a lei, de 72h de antecedência à prisão; o cabo Leilton pegou 30 dias de prisão estando no comportamento ótimo, nem considerou-se que o militar nunca havia sofrida punição, pegou a pena máxima na corporação.

SOS BOMBEIROS: A dinâmica da covardia não se reinventa. O ato aconteceu em setembro de 2016, na ocasião tudo estava bastante inflamado, foi só acalmar os ânimos para que governo/comando aplicasse sua dosimetria abrupta e desmedida, covarde e vil. Repudiamos veementemente tal sanção disciplinar que mais tem caráter de vingança à disciplinador.

Na prática, tais atitudes só faz unir cada vez mais a tropa e motivá-la a lutar por seus direitos e contra as injustiças.

Fique firme Leilton. Sua coragem e garra para lutar tem sido exemplo para muitos.     

7 comentários:

  1. E até hoje, nada desse desgovernador cumprir o decreto de interstício,e nem a justiça e nem a ALERJ se posicionam pelo o não cumprimento de um decreto...a ALERJ por exemplo, continua a apoiar esse governo que também até hoje não pagou o 13° salário de 2016 e a justiça continua a não fazer nada !!!
    Mas ALERJ aprovou as pressas a venda da CEDAE e também ao pacote de maldades contra os Servidores Públicos.. porém nada fez com relação da diminuição do salário do Governador que vetou tal medida.. vergonha essa ALERJ...
    E o Comando do CBMERJ que também é contra o decreto, nada faz pra ajudar seus militares da saúde e ainda punem com mãos de ferro !!!

    ResponderExcluir
  2. Isso só confirma o pensamento que na nossa corporação "o certo é errado e o errado é o certo"... Apenas por pedir o cumprimento de um direito garantido por LEI. Cadê os organismos internacionais pra verificar esse absurdo!!! Infelizmente em nosso país não temos autoridades e sim os travestidos de Poder... Só defendem seus próprios interesses VERGONHA !!!

    ResponderExcluir
  3. Eles não param com a mania de defender bandido. Quantos mais precisarão ser presos para essa postura mudar. Lamentável!!

    ResponderExcluir
  4. Tá na hora do gigante acordar novamente.

    ResponderExcluir
  5. conheço o leilton ,, 30 é muito ,mais ele é baderneiro dos bons e exagerou na forma de reinvidicar , sei pois estava lá ....e não fiquei prso , pq será....
    cb casé

    ResponderExcluir
  6. Liberdade já para o Leilton.
    Alou galera do GSE. Ta na hora de irmos para as ruas e colocar fim nessa porcaria de SAMU.
    Fora SAMUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUU

    ResponderExcluir
  7. Enquanto existir esses oficiais babacas que nao fazem nada no quartel, o cbmerj sera esse lixo..
    PARA QUE SERVE UM CORONEL?
    Sao imuteis, nao salvam ninguem e ficam nas reparticoes sem fazer nadaaaaaaaa

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.