terça-feira, 25 de julho de 2017

EMBARCAÇÕES DE RESGATE GANHAM NOVO ESPAÇO

Unidade é polo de formação de profissionais especializados em salvamento

A Coordenadoria de Embarcações de Resgate (CER) está funcionando em uma nova sede na Avenida Armando Lombardi, na Barra da Tijuca. Criada em 2013, a unidade tem a missão de promover pesquisas, instruções e regular protocolos de procedimentos e segurança, envolvendo o uso de botes infláveis e motos aquáticas (jet skis) em ações de prevenção e salvamento.

– Hoje, inauguramos a nova sede da CER e fechamos com chave de ouro as comemorações pelos 161 anos da corporação. Esta unidade é um polo de formação de profissionais especializados em operação de embarcações de resgate. O Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro já é uma referência no uso destes equipamentos, que complementam a atividade dos guarda-vidas e representam uma evolução dos protocolos de salvamento aquático, garantindo maior eficiência nas operações – afirmou o secretário de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Ronaldo Alcântara.

A coordenadoria é responsável por ministrar o Curso de Operador de Embarcações de Resgate (COER), que já formou mais de 100 bombeiros. Atualmente, 51 alunos recebem treinamento na CER para atuar na prevenção de afogamentos e no socorro a embarcações. A unidade é comandada pelo tenente-coronel Paulo Costa.

– Os botes e as motos aquáticas permitem que os resgates sejam feitos com mais rapidez e segurança, diminuindo o tempo-resposta, o que é fundamental para o sucesso do socorro. O novo endereço permite rápido acesso ao canal da Barra e ao Quebra-Mar, facilitando a chegada às praias das zonas Oeste e Sul – disse o oficial.

Para o coronel Coutinho, comandante de Atividades Marítimas da corporação, as novas instalações reforçam o trabalho de prevenção.

– A estrutura vai permitir que os militares se capacitem ainda mais para garantir a segurança dos cidadãos – ressaltou o coronel.



2 comentários:

  1. É inadmissível vc ingressa na corporação aí eles recolhem o seu certificado de reservista pagam triênios do seu tempo de exército e na hora da reforma dizem que não está averbado ônibus administração fraca

    ResponderExcluir
  2. Em agosto, teremos as promoções dos aspirantes, e de outros oficiais.. Será q o comando é o governo terão a ousadia de promove-los? Sem promover os militares de 97 que estão esperando a de 1° sargento?

    ResponderExcluir

Comentários com palavras de baixo calão, agressivas ou que estimulem a violência ou prática criminosas não vão ser publicados.

Citações ou acusações pessoais somente são publicadas com a identificação do autor do comentário.

Se sentiu ofendido? Quer ter o direito de resposta? Faça contato pelo email (enderecumemaium@gmail.com) ou use os comentários para defender seu ponto de vista.

O BLOG é seu. Use-o com sabedoria.